Jovem morre em Arganil e deixa bombeiros de luto

 

Patrícia Abreu, 25 anos, foi na tarde do último sábado traída pelo fogo. A viatura da corporação de bombeiros de Coja, onde seguia para combater o fogo que lavrava em Barril de Alva, concelho de Arganil, foi surpreendida pelas chamas e numa tentativa de fuga, acabou por ficar presa num carvalho.

Conjuntamente com os restantes quatro bombeiros da mesma corporação, Patrícia Abreu tentou colocar-se em fuga a pé, mas não conseguiu escapar às chamas. Os restantes elementos também ficaram feridos, um dos quais com gravidade encontrando-se ainda nos Hospitais da Universidade de Coimbra.

O funeral de Patrícia Abreu realiza-se amanhã pelas 14h00, no cemitério da freguesia de Coja. Até lá o corpo da jovem bombeira vai estar em câmara ardente no quartel de bombeiros de Coja, corporação da qual fazia parte.

LEIA TAMBÉM

Ministro Pedro Marques garantiu em Nelas que a aposta em infra-estruturas de transporte passa pela ferrovia e IP3, ignorando IC6 e IC12

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, assegurou ontem em Canas de Senhorim, Nelas, …

José Carlos Alexandrino lança suspeitas sobre queijeiras de Seia nas descargas ilegais no rio Cobral

Como regresso da chuva, os habitantes que vivem próximo do rio Cobral temem que voltem …