Linha da Beira Alta cortada devido a inundação, em Oliveira do Hospital trabalha-se na desobstrução de estradas

A circulação de comboios na linha da Beira Alta foi suspensa esta manhã, entre Mortágua e Pampilhosa, devido à inundação do túnel de Trezói. Não há ainda previsão para a a sua reabertura. A causa deste encerramento está na chuva forte que caiu durante toda a noite e parte da manhã em toda a região Centro do país inundou o túnel ferroviário do Trezói, uma situação recorrente nesta localidade do concelho de Mortágua.

“É necessário esperar que o nível das águas baixe e, depois, assegurar que estão reunidas as condições de segurança para a reabertura da linha”, sublinha a mesma fonte sobre esta via ferroviária internacional que liga o entroncamento ferroviário a Pampilhosa, perto de Coimbra, a Vilar Formoso, que faz fronteira com Espanha.

Em Oliveira do Hospital, na Estrada Municipal (EM) 517 (que liga Lourosa e o limite do concelho de Arganil, Barril do Alva), junto a Barril do Alva e em Santa Ovaia (Oliveira do Hospital), decorriam ao fim da manhã operações de limpeza devido a deslizamentos de terras que interromperam a circulação automóvel. Ontem também a EN 230, em Avô teve de ser alvo de intervenção, depois de um aluimento de terras que provocou a queda de um muro.

LEIA TAMBÉM

Dois detidos em flagrante em Tábua por cultivo de cannabis

O Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial da Lousã deteve, ontem, dois homens com …

GNR realizou ontem 40 detenções em flagrante delito, sete das quais por roubo

Apenas um elemento do grupo suspeito de vários crimes na zona Centro ficou em prisão

Dos cinco jovens, com idade entre os 22 e os 28 anos detidos pela PJ …