MAAVIM disponibiliza ajuda às vítimas da tragédia na Grécia

O Movimento Associativo de Apoio às Vítimas dos Incêndios de Midões (MAAVIM), um movimento criado após os incêndios de Outubro de 2017 no centro de Portugal, disponibilizou hoje roupas e outro tipo de ajudas à Grécia, na sequência dos fogos que atingem aquele país desde segunda-feira. O movimento, liderado pelo empresário Tavares Pereira, refere ainda em comunicado, que endereça ainda condolências às famílias das vítimas e deseja que as temperaturas façam uma trégua, para que a Grécia se reerga rapidamente.

“Como associação que ajudou nas catástrofes no passado ano em Portugal, disponibilizamo-nos para as vossas necessidades. Temos roupas prontas a enviar, caso seja necessário e poderemos efectuar campanhas”, explica o MAAVIM sobre a catástrofe na Grécia onde os incêndios de segunda-feira , perto de Atenas, causaram pelo menos 79 mortos e quase duas centenas de feridos, alguns em estado crítico.

Mais de 1.500 casas foram afectadas e mais de 300 viaturas foram completamente destruídas pelas chamas, sobretudo em Mati, um dos bairros periféricos a norte de Rafina, onde muitos habitantes da capital têm segunda casa e onde passam férias de verão. Uma tragédia comparável à que Outubro, de 2017, atingiu a região Centro, provocando pelo menos 50 mortos e dezenas de feridos, além de uma destruição incalculável em floresta, agricultura, empresas e habitações.

O Governo de Alexis Tsipras pediu ajuda internacional na noite de segunda-feira, tendo já alguns países respondido com meios de apoio. Portugal vai enviar 50 elementos da Força Especial de Bombeiros (FEB) para ajudar a combater os incêndios na Grécia, anunciou terça-feira o ministro da Administração Interna.

 

LEIA TAMBÉM

Universidade de Coimbra aposta na folha de mirtilo para tratamento da Esclerosa Múltipla

Um projecto de investigação da Universidade de Coimbra aposta no potencial terapêutico da folha de …

Polícia Judiciária deteve mulher que tentava introduzir haxixe na prisão de Coimbra

PJ deteve 12 pessoas em Coimbra por suspeita de tráfico de droga

A Directoria do Centro da Polícia Judiciária anunciou hoje ter detido, na terça-feira, doze pessoas …