A dois dias do arranque da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), a Agência de Desenvolvimento Integrado de Tábua e Oliveira do Hospital (ADITO) constata que – como adiantou o gestor Carlos Figueiredo – a “maioria dos empresários turísticos não dispõe de informação própria”.

“Maioria dos empresários turísticos não dispõe de informação própria”, queixa-se a ADITO

A agência que vai representar os concelhos de Tábua e Oliveira do Hospital na maior feira nacional de turismo solicitou aos vários empresários do sector a cedência de material informativo, com o objectivo de o mesmo ser disponibilizado na BTL, mas a resposta ficou aquém das expectativas. O prazo de entrega do material informativo à ADITO termina hoje, mas, ao diário online do Correio da Beira Serra, Carlos Figueiredo deu conta de que, até ao momento, se verificou uma reduzida entrega de informação por parte das unidades turísticas de ambos os concelhos.

A ADITO vai marcar presença na BTL entre 16 e 20 de Janeiro com um stand próprio numa área de cerca de 18 metros quadrados. Para além da promoção própria, a agência compromete-se a representar os dois municípios onde exerce a sua acção, dispondo para o efeito, de informação vocacionada para a área turística. Carlos Figueiredo dá o exemplo da promoção em torno das praias fluviais e outros espaços turísticos e de índole histórica. Paralelamente, a agência aposta na promoção dos produtos endógenos como o queijo Serra da Estrela, enchidos, mel, vinho, doçaria tradicional e, de forma mais ligeira, o artesanato. Pelo stand da agência vão passar vários elementos representativos dos dois municípios e será disponibilizada informação variada em panfletos e através de vídeo. Destaca-se ainda a exposição de produtos e até dois grandes momentos de prova de sabores destinados a profissionais e público em geral.

Ao diário online do CBS, Figueiredo sublinhou o facto de a participação da ADITO ter sido organizada “um pouco à pressa”. Garantiu que “foi tudo pensado com tempo, já há alguns meses”, mas explicou que a BTL “se deparou com alguma falta de espaços”. Acrescentou que a resposta positiva por parte da organização do certame “só foi dada há cerca de um mês”, pelo que, a ADITO teve “pouco tempo para operacionalizar a participação”.

O gestor da agência encara como “positiva” a participação na BTL “pelo peso que tem”. “O Turismo é o sector que tem maior capacidade de desenvolvimento nos concelhos de Tábua e Oliveira do Hospital”, considerou o responsável, constatando que a representação naquele certame “é uma oportunidade para a região”. “O sector turístico está em reestruturação e é uma forma de os dois concelhos mostrarem que têm grandes potencialidades e necessitam, por isso, de ser olhados de outra forma”, defendeu. Figueiredo não tem dúvidas de que o stand da ADITO “vai atrair muitas atenções”

LEIA TAMBÉM

Dominado fogo que hoje se reacendeu em Tábua

O incêndio florestal que deflagrou na terça-feira no concelho de Tábua, que esteve em fase …

Incêndios destruíram mais 500 hectares em Seia

Incêndio de Tábua reacendeu-se e mobiliza centenas de bombeiros

O incêndio que ontem deflagrou em Tábua, está novamente activo. O reacendimento aconteceu ao início da tarde …