Mangualde aprova redução da factura de água no concelho

O município de Mangualde aprovou hoje, em reunião de Câmara, uma proposta de novos tarifários de águas para o concelho que contempla um modelo progressivo do preço da água em função do consumo, fixando preços para cada escalão que se vão traduzir numa redução na factura apresentada ao consumidor. Os novos tarifários, garante a autarquia, enquadram-se nas normas e recomendações da ERSAR, normalizando assim tarifários e serviços municipais de água e inclui os serviços de abastecimento de água, de saneamento de águas residuais e de gestão de resíduos urbanos.

O presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, assegura que “a nova proposta de tarifários de água foi trabalhada com o objectivo, se possível, de reduzir o preço da água para as pessoas e esse trabalho foi conseguido.” O autarca garante ainda que as “pessoas vão sentir, a partir de Outubro, uma redução da factura da água, que em alguns casos pode ser significativa.” “Fizemo-lo sem colocar em causa a sustentabilidade e eficiência do serviço e seguindo as recomendações da Entidade Reguladora”, concluiu.

Os novos preços da água contemplam tarifários domésticos, sociais, para famílias numerosas e não-domésticos e serão complementados pela nova regulamentação dos serviços de água no concelho que se encontra para publicação.

LEIA TAMBÉM

Candidato do PSD acusa executivo Tábua de não reflectir nas contas dívidas de 1,5 milhões

O candidato do PSD à Câmara Municipal de Tábua, José Pereira, acusa o actual executivo …

Incêndios destruíram mais 500 hectares em Seia

Autoridade Nacional de Protecção Civil alerta para risco de incêndios nos próximos três dias

O Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) …