Maria José Freixinho quer manter-se “silenciosa” em relação às autárquicas de 2009, mas critica “atitudes” da concelhia do PS

Instada hoje pelo correiodabeiraserra.com a comentar uma informação que aponta no sentido de que a antiga candidata do PS, nas autárquicas de 2005, poderá vir a integrar a lista de José Carlos Alexandrino à câmara municipal, Maria José Freixinho disse preferir manter o silêncio relativamente às eleições de 2009.

Freixinho explicou a este diário digital que apesar de ter “um lugar por inerência” na comissão política concelhia (CPC) do PS, quer-se manter “silenciosa e distante de todo este processo”, até porque – conforme sublinhou – “o candidato ainda não foi oficialmente confirmado”.

Argumentando que não exerce o seu lugar na CPC “por vontade própria”, a vereadora socialista não deixou, contudo, de evidenciar algum mal-estar que existe entre a sua pessoa e a concelhia do PS.

“Há atitudes, formas de estar, posturas e comportamentos com os quais eu não me identifico minimamente”, revelou a ex-candidata do PS através de um conjunto de declarações que evidenciam a existência de algumas feridas que ficaram por sarar, na sequência do processo relacionado com a sua candidatura nas autárquicas de 2005.

“Estou a exercer o meu mandato…quero seguir o meu caminho que é, porventura, diferente do caminho daqueles que fazem parte da comissão política”, considerou ainda a vereadora socialista, não deixando porém de sublinhar que não é “um elemento colaborador”, mas também não quer ser “um elemento destabilizador”.

Sobre a sua participação ou não na lista de José Carlos Alexandrino – há quem defenda que Freixinho deveria aparecer em segundo lugar –, a jovem advogada não diz que sim, mas também não enjeita essa possibilidade. “Essa questão terá que ser pensada se se vier a colocar, e equacionada antes de ser tornada pública”, declarou.

LEIA TAMBÉM

Líder parlamentar do PSD questiona António Costa sobre a reconstrução das casas afectadas pelos incêndios.

O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão, pediu ontem explicações ao primeiro-ministro sobre o reduzido número …

Presidente da Câmara de Oliveira do Hospital garante verba ainda desconhecida para reconstrução das segundas habitações depois de questionado pelo vereador do PSD

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, disse hoje que …