Médico oliveirense sai derrotado das eleições para a distrital do CDS/PP

Nas eleições para a Comissão Política Distrital do CDS/PP, que se realizaram este sábado, o presidente-candidato daquela estrutura partidária – o oliveirense Nunes da Silva (Lista B), que é irmão de Adelaide Freixinho – foi derrotado pelo seu ex-vice-presidente, Paulo Almeida (Lista A).

O novo líder dos populares saiu vencedor em todos os órgãos distritais – o CDS/PP só tem órgãos em funcionamento nos municípios de Coimbra, Oliveira do Hospital – e elegeu a actual presidente da concelhia do CDS/PP de Oliveira do Hospital, Maria José Falcão de Brito, para o Conselho de Jurisdição.

Em declarações à agencia Lusa, Serpa Oliva – o deputado do partido à Assembleia da República pelo Círculo de Coimbra que nestas eleições internas foi reeleito para a Mesa do Plenário –, considerou que “a participação dos militantes na votação, de 61,6 por cento, é uma demonstração de que ‘o partido está vivo e que quer participar na reconstrução do CDS/PP’ a nível nacional”.

De acordo com o que o correiodabeiraserra.com sabe, Nunes da Silva não terá visto com bons olhos o facto de o CDS/PP de Oliveira do Hospital – nesta secção de voto o candidato derrotado somou 5 votos, enquanto que o seu adversário obteve dez –, ter apoiado “camufladamente” a lista do movimento de eleitores independentes “Oliveira do Hospital, Sempre”, nas últimas eleições autárquicas.

Esta situação – localmente o CDS/PP absteve-se de concorrer às autárquicas e só apresentou uma lista à Assembleia de Freguesia de Seixo da Beira – gerou algum mal-estar entre destacados militantes do partido liderado por Paulo Portas.

LEIA TAMBÉM

Incêndios adiam da tomada de posse do executivo da autarquia oliveirense

A catástrofe que se abateu sobre Oliveira do Hospital, com os incêndios, levou a uma …

Incêndio

Anda tudo a gozar connosco!!! Autor: Luís Lagos

Anda tudo a gozar connosco!!! Eu estou absolutamente farto!!! Fartinho!!! Haverá quem leia este post …