Palito

Ministério Público de Viseu pediu pena máxima para Palito

O Ministério Público pediu hoje 25 anos de prisão para Manuel Baltazar, conhecido por Palitoo homem que em Abril do ano passado matou a ex-sogra e a tia da ex-mulher e feriu a tiro a ex-companheira e a filha em Valongo dos Azeites, São João da Pesqueira. Alegações finais estão a decorrer no Tribunal de Viseu.

O Jornal de Notícias explica que as alegações finais foram lidas ao longo de uma hora e o Ministério Público sustentou o seu pedido de pena máxima de prisão tendo em conta o “número de vítimas e a personalidade do arguido merecedoras de severa reprovação”.

O Ministério Público considera ainda que a intenção de Manuel Palito era a de matar as quatro mulheres, ao contrário do que alega a defesa. Manuel Baltazar esteve fugido durante 32 dias após os dois homicídios, acabando por preso na sua própria casa, não tendo oferecido resistência.

LEIA TAMBÉM

João Dinis acusa CM de Oliveira do Hospital de “negligência continuada” em estrada municipal

O membro da Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Ervedal e Vila Franca …

Dois detidos em flagrante em Tábua por cultivo de cannabis

O Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial da Lousã deteve, ontem, dois homens com …