Palito

Ministério Público de Viseu pediu pena máxima para Palito

O Ministério Público pediu hoje 25 anos de prisão para Manuel Baltazar, conhecido por Palitoo homem que em Abril do ano passado matou a ex-sogra e a tia da ex-mulher e feriu a tiro a ex-companheira e a filha em Valongo dos Azeites, São João da Pesqueira. Alegações finais estão a decorrer no Tribunal de Viseu.

O Jornal de Notícias explica que as alegações finais foram lidas ao longo de uma hora e o Ministério Público sustentou o seu pedido de pena máxima de prisão tendo em conta o “número de vítimas e a personalidade do arguido merecedoras de severa reprovação”.

O Ministério Público considera ainda que a intenção de Manuel Palito era a de matar as quatro mulheres, ao contrário do que alega a defesa. Manuel Baltazar esteve fugido durante 32 dias após os dois homicídios, acabando por preso na sua própria casa, não tendo oferecido resistência.

LEIA TAMBÉM

Fiscalização da GNR sobre automobilistas levou a sete detenções

Detido em Seia traficante de estupefacientes

A GNR de Seia e de Paranhos da Beira detiveram um homem de 23 anos, …

Mortes em acidente em Tábua no acesso ao IC6

Dois homens morreram hoje na sequência de uma colisão frontal entre duas viaturas ligeiras numa …