Mistério Público arquivou processo dos submarinos, onde Paulo Portas era a figura mais mediática

O Ministério Público decidiu não levar a julgamento nem deduzir acusações contra os arguidos do Caso dos Submarinos, avança a revista Visão. Paulo Portas, a figura mais mediática deste processo, não será sequer notificado, explica aquela publicação. No entanto, os restantes envolvidos – Hélder Bataglia, Luís e Miguel Horta e Costa, Pedro Ferreira Neto (os únicos quatro arguidos), Ana Gomes e uma jornalista já deverão ter conhecimento da decisão.

O site da publicação refere ainda que o despacho de arquivamento já é do conhecimento de Amadeu Guerra, director do Departamento Central de Investigação e Acção Penal e foi redigido pelos magistrados Josefina Escolástica e Júlio Braga.

 

LEIA TAMBÉM

Acidente no IP3 provoca duas mortes, dois feridos e corte da via nos dois sentidos

Um acidente entre dois veículos ligeiros, seguido do despiste de um pesado e de um …

Polícia Judiciária deteve mulher que tentava introduzir haxixe na prisão de Coimbra

PJ deteve traficantes em Coimbra

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem, electricista e com 29 anos, em Coimbra, por …