“mOHve-te” incentiva à prática desportiva em Oliveira do Hospital

A Câmara de Oliveira do Hospital apresentou, este domingo, o Programa “mOHve-te” que integra diversas atividades desportivas e culturais que vão ser promovidas nos meses de Verão. O pontapé de saída deste programa foi dado no Parque do Mandanelho onde foi melhorado o circuito de manutenção já existente e implementado um novo circuito Bio-Saudável.

Até 15 de agosto, o município oliveirense desafia a população, de todas as idades, para aderir ativamente às atividades propostas que prometem cuidar do corpo e da mente. As terças e quintas-feiras ficam, a partir de agora, reservadas para a prática de atividades físicas, a partir das 21:00 horas, no Largo Ribeiro do Amaral. Como tem vindo a ser habitual, as noites de sexta-feira são reservadas para exibição de cinema ao ar livre, no centro da cidade, ou outras iniciativas culturais e/ou musicais. Aos domingos, o convite que se dirige aos oliveirenses é que usufruam do pulmão verde da cidade onde todas as manhãs haverá “Desporto no Parque” com exploração livre do circuito de manutenção, ainda que, os munícipes possam ser acompanhados por jovens voluntários, estudantes de áreas como a gestão desportiva e turismo.

Dirigido a todas as faixas etárias, o Programa “mOHve-te” irá oferecer uma panóplia de modalidades, sempre de acesso livre e gratuito, desde os passeios em bicicleta ao cycling, do zumba ao step e cross fit, a que se juntam artes marciais, como Aikido e técnicas de defesa pessoal como Goshin Jutsu. Haverá também uma nova modalidade, a Stand Up Paddle, que decorrerá nas piscinas municipais e que permite fazer diversas atividades em cima de uma prancha, promovendo o equilíbrio e exercício físico.

Na apresentação pública do “mOHve-te”, o vereador do Desporto, Nuno Ribeiro, frisou que o “concelho de Oliveira do Hospital não vive apenas do desporto de competição” e que é uma “obrigação” da Câmara Municipal “preocupar-se com as atividades de lazer e o desporto de manutenção”. Congratulando-se pela rede de parceiros que aderiu a este projeto e que vão dinamizar as diversas atividades, Nuno Ribeiro acredita que “vamos ter os nossos munícipes a praticar mais desporto” nas próximas semanas.

É este o repto que a autarquia lança aos oliveirenses que podem encontrar também no Parque do Mandanelho um circuito de manutenção requalificado e um Circuito Bio-Saudável, com novos aparelhos que, no seu conjunto, se complementam e “respondem às necessidades” da população.

Responsável pelo pelouro da Cultura, a vereadora Graça Silva convidou os oliveirenses para aproveitarem as noites quentes de Verão participando nas “sextas-feiras culturais” bem como nas restantes atividades desportivas.

Agradecendo o “trabalho de parceria, e de forma gratuita, de todos os envolvidos”, o presidente da Câmara Municipal, José Carlos Alexandrino, defendeu que “se temos os equipamentos, temos de lhe dar vida” e que é com iniciativas deste género “que hoje, justificamos, o investimento que foi feito no Parque do Mandanelho” no passado. O presidente José Carlos Alexandrino lançou o desafio aos presentes para que participem e “tragam os vossos amigos para as atividades” propostas pelo programa “mOHve-te” que promete trazer os oliveirenses para a rua nos próximos dois meses e, sobretudo, pô-los a mexer.
Na dinamização de todo este calendário de oferta de atividades desportivas e culturais que decorre entre 15 de junho e 15 de agosto, a Câmara Municipal de Oliveira do Hospital conta com a estreita cooperação de várias entidades concelhias e a parceria do Ginásio Extreme Fit, do Corpus Ginásio, da Seção do Pedal do Clube Caça e Pesca, do BTT Lazer, do Grupo de Aikido de Travanca de Lagos, da AMMCO – associação Internacional Goshin Jutsu, sediada em Vilela e da empresa Sup In River, que irão dinamizar as diversas atividades.

LEIA TAMBÉM

José Carlos Alexandrino acusa Governo de discriminação na ajuda pós-incêndios

O presidente da câmara de Oliveira do Hospital acusou o Governo de estar a discriminar …

IP reforça meios de prevenção e limpeza de gelo e neve nas estradas da Serra da Estrela com novo Silo de Sal-gema na Guarda

A Infra-estruturas de Portugal (IP) instalou na Guarda, um novo silo de sal-gema com capacidade …

  • Sombra

    Já não percebo nada!
    Então, já não puseram a mexer o Lopes?
    Ainda querem por mais a mexer?
    Que ponham a mexer os que por lá andam a passear na câmara pelos corredores. Ou será que os corredores da câmara também já estão transformados em circuitos de manutenção?