Município de Oliveira do Hospital voltar a premiar projectos empresariais inovadores.

Município de Oliveira do Hospital voltar a premiar projectos empresariais inovadores

A Câmara de Oliveira do Hospital reeditou este ano o apoio ao empreendedorismo e vai premiar as melhores ideias de negócio que se candidatarem à edição do programa “Empreender +”. O montante monetário a distribuir será de 30 mil euros.

A edição deste ano do já conhecido Concurso Municipal de Ideias de Negócio, que foi relançado em 2010 pelo Município, vai premiar os cinco melhores projectos empresariais (três prémios e duas menções honrosas) no valor de 30 mil euros. Com as edições anteriores, os responsáveis, garantem que já permitiu a criação de 11 novas empresas no concelho, num investimento estimado em 105 mil euros. O vice-presidente da autarquia, José Francisco Rolo, mostrou um grande empenho nesta iniciativa e referiu que já foi inclusivamente reconhecido a nível internacional.

“O ‘Empreender +’ este ano ganhou alguma visibilidade e notoriedade ao ter sido reconhecido pela European Enterprise Promotion Award´s, chegou-nos ontem este certificado, e isto dá-nos responsabilidades acrescidas porque sabemos que temos aqui um importante instrumento de apoio à inovação empresarial”, referiu o autarca na apresentação do projecto que decorreu na EXPOH. “Esta iniciativa, à semelhança das anteriores, só é possível graças à rede de parceiros de excelência que o ‘Empreender+’ tem no concelho de Oliveira do Hospital e na região. Só é possível fazer emergir ideias de negócio inovadoras, criativas, transformá-las em projectos de candidatura porque temos uma boa rede de parceiros e também um conjunto de instituições que fazem uma avaliação criteriosa dos projectos”, frisou José Francisco Rolo.

Este responsável falou em particular da parceria com a Incubadora de Empresas BLC3, ESTGOH, Eptoliva e ADI que constituem, no seu entender, “os principais pontos de apoio técnico para a concretização das candidaturas e para o desenvolvimento dos projectos”.

 

LEIA TAMBÉM

Primeiro-ministro vê nas biorefinarias uma “oportunidade” para aproveitar a floresta e elogia trabalho desenvolvido na BLC3

O primeiro-ministro destacou ontem na inauguração do Campus de Tecnologia e Inovação BLC3, em Oliveira do …

António Costa remete construção do IC6 para “quando haja condições financeiras”

O primeiro-ministro não se compromete com uma data para a construção do IC6 entre Tábua …

  • Gestores do Nosso

    A desgraça a que este País chegou tem aqui o exemplo acabado de como nunca se resolverá. Para apresentar uns “jogos florais”,especialidade em que o nosso executivo camarário se especializou,de 30 0000 00 euros,são três vereadores.Se na gestão das empresas, para um negócio de trinta mil, fossem três administradores haviam de arranjar uma linda vida..! Alguém me explica o que fazem 5 vereadores a tempo inteiro no nosso município ??? Com o nosso dinheiro, o que não faltam são gestores…e passam a vida a colocar fotografias no facebook como se andassem a fazer alguma grande obra.Que vão ler o letreiro do hotel da Ponte das Três Entradas..! Para aquilo é que não têm habilidade…

    • Canaliza a dor

      Estes vereadores pagos para estarem em casa, ficavam muito mais baratos ao município e aos Oliveirenses.
      Então não vê que isto é tudo à grande, só na equipa multidisciplinar estão 19 operacionais à procura dos tubos rotos. Quanto recebem, é que não sabemos, mas se calhar os 30 mil não chegam.

  • Assurancetourix

    Alguém é capaz de informar quantas empresas (e quais) nasceram com o incentivo do Empreender+?

    • Selamandruca

      Então, o empreendimento industrial “Pivias – máquinas de fazer sabão amarelo, Ldª”

  • Deixem-nos andar

    Deixem-nos andar.Sempre ajudam na estatistica do desemprego..! A política está entregue a esta gente que nunca produziu um euro, real.Qualquer dos três nunca tiveram outro emprego que naõ fosse o Estado. Por ser assim é que Temos “O Estado a que isto chegou”..! E para pôr larachas no facebbok? O “bichos”…