Município de Seia assina acordo com Instituto Politécnico da Guarda para instalação de residência de estudantes na cidade

A Câmara Municipal de Seia vai comparticipar financeiramente um acordo com o Instituto Politécnico da Guarda que permitirá a instalação de uma residência de estudantes na cidade. O objectivo, segundo o município, é assegurar que a nova estrutura, que irá funcionar numa antiga residencial privada, na Avenida Luís de Camões, terá as melhores condições de acolhimento e um contexto sociocultural que potenciem a criação de laços afectivos com a cidade.

O presidente da Câmara, Filipe Camelo, não esconde a ambição de reafirmar a dimensão de Seia, enquanto pólo de prestígio do ensino superior especializado – por via da Escola Superior de Turismo e Hotelaria – e demonstra total disponibilidade para continuar a colaborar com aquela instituição de ensino.

O Ministro da Ciência e Ensino Superior, Manuel Heitor, que marcou presença na assinatura do documento recebeu um apelo para “tratar o que é igual de forma igual e o que é diferente de forma diferente”. Os responsáveis de ambas as instituições pretendem que o governante tenha “sentido de equilíbrio e uma visão capaz de fortalecer as instituições de ensino do interior”.

LEIA TAMBÉM

Candidato do PSD acusa executivo Tábua de não reflectir nas contas dívidas de 1,5 milhões

O candidato do PSD à Câmara Municipal de Tábua, José Pereira, acusa o actual executivo …

Incêndios destruíram mais 500 hectares em Seia

Autoridade Nacional de Protecção Civil alerta para risco de incêndios nos próximos três dias

O Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) …

  • António Lopes

    Não tem nada que saber…Sei que é feio mas, ao menos, copiem..!