Emagrecer ou Mudar de vida? Autor: Luís Marques

NATAÇÃO: treino, bem-estar e descanso. Autor: Luís Marques

Em tempos de grande oferta no mercado do exercício físico, em que modalidades novas surgem a cada dia que passa, em que correr está cada vez mais na moda, em que pedalar já é normal, em que os desportos coletivos são iniciados mais cedo, existe uma modalidade, também ela de grande aderência, principalmente nas idades mais tenras, que sobressai das demais e continua a ser o medicamento favorito prescrito pelos médicos, NATAÇÃO. Sobressai porque é tida como a modalidade global, aquela que “mexe” com tudo, aparelho cardiorrespiratório, cadeias musculares, aparelho articular, ligamentar e tendinoso, mas principalmente porque promove o bem-estar e permite descansar, recarregando as baterias do stress acumulado diariamente.

Nadar é uma ação fantástica do corpo humano, que conjuga a respiração, o equilíbrio e a propulsão dos membros superiores e inferiores. A respiração permite melhorar todo o aparelho cardiorrespiratório, adaptando os esforços às capacidades da pessoa, promovendo o aumento da frequência cardíaca e com ela todos os benefícios conhecidos, sendo os mais importantes: regulação do açúcar no sangue, diminuição dos triglicerídeos, diminuição do colesterol, regulação da tensão arterial, aumento do VO2 máximo…; o equilíbrio melhora a flexibilidade da coluna, e com ela uma melhor postura, não afeta as articulações, promovendo o relaxamento dos músculos e alívio da tensão muscular, aumenta o tónus muscular esquelético, e com isso uma melhor saúde articular…; e a propulsão potencia a mobilidade articular, aumento da massa muscular, equilíbrio muscular e melhora as capacidades coordenativas.

Os médicos recomendam a natação ou a hidroginástica, não pelo que o paciente necessita, mas antes pelo que a água dá……tudo.

As grandes diferenças do meio terrestre para o meio aquático permitem à natação e à hidroginástica, vangloriarem-se no contexto do exercício físico. Como a água é cerca de 800 vezes mais densa do que o ar, e a resistência ao deslocamento na água é cerca de 14 vezes superior àquela no ar, quando repetimos no solo um exercício que treinamos na água, inicialmente nem parece que estamos fazendo força, o rendimento e o desempenho aumentaram sem sentirmos.

O bem-estar ganho depois de 30 minutos de exercício físico na água é fantástico, o relaxamento muscular é evidente, promovendo um melhor descanso e com isso um estado anabólico muito mais eficaz.

Como praticante assíduo de natação posso garantir-vos que me sinto cada vez mais forte, resistente e relaxado.

Bons treinos.

Luís MarquesAutor: Luís Marques

LEIA TAMBÉM

Maldito IC6. Autor: Tozé Cardoso.

O cantor, compositor, multi-instrumentista norte-americano e vocalista convidado dos AC/DC  e fundador dos Guns N’ …

Menos Teatro. Mais Oliveira. Autor: Virgílio Salvador.

José Carlos Alexandrino afirmou que o PS e o governo tinham até 30 de março …