Novo autocarro melhora condições do transporte de utentes da ARCIAL

A ARCIAL acaba de proceder à inauguração do novo autocarro de transporte de utentes. A viatura semi-nova permite à instituição, que presta apoio a jovens portadores de deficiência, assegurar um transporte de maior qualidade e segurança.

Dirigentes, técnicos, utentes e outros responsáveis locais aplaudiram esta tarde a chegada da mais recente aquisição da Associação de Recuperação de Crianças Inadaptadas de Oliveira do Hospital. O desejado autocarro de 24 lugares já se encontra ao serviço da ARCIAL, garantindo um transporte com maior conforto e segurança aos utentes que, até aqui, efetuavam o percurso de casa para a instituição e vice-versa, num velho autocarro que não reunia as necessárias condições de segurança e arejamento do seu interior.

Com a nova viatura, a ARCIAL consegue ainda rentabilizar recursos, já que com um único autocarro assegura um percurso que, até aqui, exigia a utilização de dois mini autocarros.

Tratando-se de uma viatura semi nova – a não aprovação de uma candidatura impossibilitou a aquisição de uma viatura a estrear – a ARCIAL espera ainda conseguir alguma poupança em matéria de consumo de combustível, bem como ao nível da sua manutenção.

A aquisição do autocarro, hoje abençoado pelo pároco de Oliveira do Hospital, representa um investimento por parte da ARCIAL de 23.500 Euros. No processo de aquisição e arranjos necessários à boa utilização, a instituição contou com a colaboração da Auto Garagem Carvalho.

Naquela que é entendida como mais uma etapa superada pela ARCIAL, o executivo municipal fez questão de marcar presença, bem como de se comprometer com atribuição de um apoio à aquisição. “ A Câmara ainda não disponibilizou um apoio, mais vai ajudar”, afirmou o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, que se congratulou pelo facto de o novo equipamento representar “uma melhoria das condições” asseguradas pela instituição. “É um orgulho trabalhar com todas estas pessoas e fazer um trabalho de parceria”, continuou José Carlos Alexandrino, informando que o município ao assumir-se como parceiro da ARCIAL “não faz mais do que é a sua obrigação, para que esta casa tenha determinada qualidade”.

Perante dirigentes, técnicos e os muitos utentes que beneficiam do apoio da ARCIAL, o autarca destacou a importância do trabalho da instituição. “É um trabalho de humanização”, observou José Carlos Alexandrino na certeza de que tal só é possível, porque é um trabalho feito com “amor”. “Quando há amor, as coisas tornam-se mais fáceis”, sublinhou ainda o autarca, que não tem dúvidas de que os utentes da Arcial “estão muito bem entregues”.

Presidida por Rosa Neto, a ARCIAL conta no próximo mês de julho, no dia 12, dar mais um passo importante. Trata-se da inauguração das duas unidades residenciais, destinadas a acolher 10 utentes – cinco masculinos e cinco femininos – e cuja construção foi financiada, em 75 por cento, pelo Programa Operacional de Potencial Humano (POPH), num investimento total de 262 mil Euros. Até lá a instituição espera conseguir os acordos de cooperação junto da Segurança Social necessários ao seu normal funcionamento. Ainda este mês, a instituição deverá ficar equipada de painéis solares destinados ao aquecimento de águas.

LEIA TAMBÉM

Denuncia do grupo do empresário Fernando Tavares Pereira coloca IMT sob investigação do DIAP

Duas empresas do grupo Tavfer, do empresário Fernando Tavares Pereira, a CIMA – Centro de …

Universidade de Coimbra aposta na folha de mirtilo para tratamento da Esclerosa Múltipla

Um projecto de investigação da Universidade de Coimbra aposta no potencial terapêutico da folha de …