A figura: Joaquim Carvalheira de Almeida

O adeus a Joaquim Carvalheira, o professor de várias gerações

Faleceu ontem, pelas 23 h00, uma das figuras que mais marcou o ensino no concelho de Oliveira do Hospital, Joaquim Carvalheira de Almeida, pai do director do Mega-Agrupamento da cidade, Carlos Mamede Carvalheira de Almeida. Joaquim Carvalheira foi professor do actual primeiro ciclo e presidente da Junta de Freguesia de Ervedal da Beira, pelas cores do Partido Socialista.

Natural de Reriz, Castro de Aire, Distrito de Viseu, começou por leccionar em Barqueiros, perto de Barcelos. Ainda jovem, transferiu-se para Ervedal da Beira, já com um filho, onde acabou por se fixar. Foi reconhecido como uma pessoa capaz de inovar no ensino, ao mesmo tempo que apresentava uma postura austera, por vezes exagerada, o que lhe valeu o respeito, mas também o temor de alguns ex-alunos. “Tinha rigor no ensino e era firme no respeito e na educação”, explicou um dia.

Mas terá sido essa atitude que permitiu que muitos dos seus alunos tivessem sucesso onde outros falhavam. “Não foi meu professor, porque na altura as meninas tinham aulas separadas dos rapazes. Mas deu aulas aos meus filhos e familiares. Era considerado um bom professor, extremamente exigente e duro. Mas isso reflectia-se nos bons resultados dos alunos”, elogia Esmeralda Albuquerque vizinha do agora falecido professor e autarca.

O corpo encontra-se em câmara ardente na Capela da Nossa Senhora da Piedade, no Largo da Cadeia em Ervedal da Beira. O funeral sairá para o cemitério local, amanhã pelas 10h30.

Neste momento de dor para a família e de pesar para Ervedal da Beira e para o concelho de Oliveira do Hospital, o Correio Da Beira Serra presta homenagem a Joaquim Carvalheira de Almeida e apresenta as mais sinceras condolências à família.

Nota: A foto (retirada do facebook pessoal do presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital) retrata uma das ultimas aparições publicas de Joaquim Carvalheira (o quarto a contar da esquerda), durante as comemorações dos 500 anos do Foral Manuelino do Ervedal .

 

LEIA TAMBÉM

Luís Mota voltou a vencer as 100 milhas do Oh Meu Deus – Ultra Trail Serra da Estrela

O atleta Luís Mota, do Clube do Benfica de Abrantes, venceu as 100 milhas do …

Carlos Peixoto reeleito líder da distrital do PSD/Guarda

O deputado Carlos Peixoto foi reeleito, no sábado, presidente da Comissão Política Distrital do PSD …