Num estudo, realizado no verão passado, sobre complexos desportivos, que vi na imprensa, mostrava-se o descontentamento dos jovens...

O concelho precisa de um parque desportivo moderno

… quanto aos complexos desportivos existentes em Portugal.

Ao observar este estudo deparei-me a reflectir no complexo desportivo de Oliveira do Hospital. É um complexo que penso estar já algo obsoleto, apesar da mini remodelação realizada pela autarquia, que finalmente retirou a cobertura em amianto e, segundo li no boletim municipal, melhorou as condições acústicas.

Temos no nosso concelho um forte associativismo desportivo que é de louvar e elogiar e que tem uma importante componente de formação nos nossos jovens.

Penso, por isso, estar na altura de se pensar num parque desportivo que sirva todo o concelho e por isso aqui deixo este desafio em jeito de proposta.

Bem sei que os tempos não são de “vacas gordas” e não defendo nenhuma obra faraónica que hipoteque o futuro do concelho, mas pode se bem projectar um parque desportivo que seja feito por módulos o que seria bem menos oneroso.

Teria que haver capacidade de diálogo da parte da autarquia junto do governo para conseguir apoios estatais para o projecto. Sei que o actual Presidente da Câmara disse recentemente que “gosta de ir a Lisboa, mas ir fazer despesa e vir de mãos a abanar não”, mas como espero que este esteja de saída, tenho a certeza que o próximo Presidente terá uma maior capacidade de diálogo e que não deixará de ir bater às portas do Poder Central e de outras instâncias para conseguir e negociar apoios para Oliveira do Hospital.

Temos várias modalidades pelo concelho, futebol, hóquei, basquetebol, natação, atletismo…e temos que criar condições para os nossos jovens serem bem sucedidos nas suas modalidades e podermos receber com dignidade os adversários. Ouvi por exemplo num jogo de futsal que fui ver há uns tempos que não há, por exemplo, um sítio onde se possa fazer o aquecimento em condições. Tal não é admissível nos dias de hoje.

Tem pois que haver uma política estruturante por parte da Câmara Municipal para com a prática desportiva no concelho. Apoiar as associações, mas não proceder-se à atribuição de subsídios selectivos, como tem sido feito. Não podem, nem devem haver descriminações.

Os nossos jovens desportistas merecem ser apoiados e incentivados, merecem ter as condições essenciais para poderem praticar a sua modalidade. O desporto é fundamental para a saúde e faz parte da formação de uma pessoa e especialmente dos jovens de hoje.

É por isso que vim defender um parque desportivo moderno, eficaz e que sirva todo o concelho.

Ricardo Figueiredo
Sec. Coordenador do Núcleo da Juventude Socialista de O. Hospital

LEIA TAMBÉM

“Se quiseres ser bom Juiz ouve o que cada um diz”

Solicito a publicação de uma carta que recentemente foi dirigida ao Sr. Presidente da Assembleia de Freguesia de Meruge.

Carta ao Director

Exmº Senhor Director do CBS: