Oliveira do Hospital assinala Dia Municipal para a Igualdade

O Município de Oliveira do Hospital assinala esta semana Dia Municipal para a Igualdade, que foi instituído em 21 de junho de 2011, data em que ocorre o solstício de Verão, sob o lema “O sol quando nasce é para todos”.

As comemorações, que iniciaram ontem, na Casa da Cultura César Oliveira, com a exibição simbólica do filme “12 anos Escravo”, integram, entre outras atividades, música, cinema ao ar livre, exposições temáticas e debates.

No âmbito do Dia Municipal para a Igualdade, realiza-se também, dia 19 de junho, na Casa da Cultura César Oliveira, a III edição do Fórum da População Estrangeira “Oliveira do Hospital, a Friendly Municipality”, um evento que o Município organiza com vista a estreitar laços com a comunidade estrangeira residente no concelho e que conta já com mais de uma centena de cidadãos estrangeiros.

Estará também patente no edifício dos Paços do Município, a exposição fotográfica “A Transmissão da Vida”, que esteve presente em março ultimo no átrio dos Hospitais da Universidade de Coimbra/Centro Hospitalar da Universidade de Coimbra (HUC-CHUC), promovida pela Sociedade Portuguesa de Medicina da Reprodução, e que será inaugurada às 15:00 do dia 21 de junho, com a presença do Prof. Doutor Agostinho Almeida Santos, socio fundador da SPMR.

Com uma programação diária, as comemorações do dia dedicado à causa da igualdade encerram a 21 de junho, no Salão Nobre dos Paços do Município, a partir das 15h00, com um conjunto de conversas em torno do tema da Igualdade de Género, onde participarão a Conselheira Municipal para a Igualdade, Teresa Serra, o Presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, Agostinho Almeida Santos, da Sociedade Portuguesa de Medicina da Reprodução, Eunice Saraiva, da ADIBER, e membros da equipa do projecto Igualdade Local: Cidadania Responsável.
~

O Dia Municipal para a Igualdade foi criado em 2011 com o objetivo de se instituir no concelho uma data simbólica para a promoção da Igualdade Género e sensibilização contra todas as formas de descriminação.

LEIA TAMBÉM

Universidade de Coimbra aposta na folha de mirtilo para tratamento da Esclerosa Múltipla

Um projecto de investigação da Universidade de Coimbra aposta no potencial terapêutico da folha de …

Polícia Judiciária deteve mulher que tentava introduzir haxixe na prisão de Coimbra

PJ deteve 12 pessoas em Coimbra por suspeita de tráfico de droga

A Directoria do Centro da Polícia Judiciária anunciou hoje ter detido, na terça-feira, doze pessoas …

  • Sombra

    Não está envolvido o Dr Antero com o projecto €guita qualquer coisa?
    É música para tolos? Anda a dar musica aos loucos? Ou anda a fazer de nós doidos?
    Nunca vi um individuo tão atrasado, a ganhar tanto dinheiro neste concelho de cegos.