Oliveira do Hospital comemora 500 anos dos forais manuelinos

Com registo de nove forais manuelinos que remontam ao ano de 1514, a Câmara Municipal de Oliveira do Hospital comemora, durante este ano, os 500 anos da sua atribuição. As comemorações arrancam domingo, 9 de fevereiro, na freguesia de Seixo da Beira.

Oliveira do Hospital, Avô, Lourosa, Nogueira do Cravo, Seixo da Beira, S. Sebastião da Feira, Lagos da Beira, Ervedal da Beira e Lagares da Beira são as freguesias que ao longo deste ano, em data correspondente à da atribuição da carta de foral, vão recriar o momento de atribuição da carta de foral que, à data, servia de regulador de terras públicas e comunitárias, quantificava multas, decretava deveres militares para a coroa e estabelecia direitos de proteção das próprias comunidades. Acontece assim, por neste ano de 2014 se assinalarem os 500 anos de atribuição de forais a nove localidades do concelho de Oliveira do Hospital de um conjunto 12 – ( Bobadela comemorou a atribuição em 2013, Penalva de Alava comemora em 2016 e Vila Pouca da Beira em 2019) que outrora foram também sede de concelho.

As comemorações promovidas pelo município, em parceria com as freguesias envolvidas arrancam já no próximo domingo, 9 de fevereiro, data precisa da atribuição da carta de foral à localidade de Seixo da Beira, corria o ano de 1514. As comemorações vão continuar no dia 27 de fevereiro, em Oliveira do Hospital, em 15 de março, em Lagos da Beira, a 15 de maio, em Ervedal da Beira e Lagares da Beira, e a 12 de setembro, em Avô, Lourosa, Nogueira do Cravo e S. Sebastião da Feira.

O ano de 2014 será assim um ano de comemorações em Oliveira do Hospital, levando o município a socorrer-se de transcrições e fotocópias dos forais depositados na Torre do Tombo. “Vamos ter esses documentos no concelho que antes não tínhamos”, afirmou ontem a vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital.

Nas várias localidades, que há 500 anos gozaram de atribuição de carta de foral, vai constar ao longo de 2014, a referência às comemorações através de um pendão estrategicamente colocado à entrada da localidade ou nas fachadas das igrejas. “Este é um dos marcos”, frisou Graça Silva, anunciando também a criação de um logototipo das comemorações “personalizado às diferentes localidades que comemoram a atribuição” e um logotipo geral. Uma “marca” que constará de toda a correspondência trocada entre as juntas de freguesia e a comunidade, bem como do próprio município

Para cada uma das nove localidades estão previstas “atividades diversificadas”. “Vamos assistir a momentos de grande dignidade, onde a cultura e recriação histórica e medieval estão sempre patentes”, informou Graça Silva.

Nas comemorações dos 500 anos do foral vai estar ainda envolvida a Universidade Senior de Oliveira do Hospital, responsável por levar às escolas do 1º ciclo a história da época manuelina e dos forais. No dia 27 de fevereiro, será inaugurada a exposição “O Foral de Oliveira do Hospital – 500 anos de História” numa organização conjunta do Agrupamento de Escolas e da Câmara Municipal com o objetivo de partilhar conhecimentos da época medieval. No dia 14 de março terá lugar uma palestra alusiva ao tema pelo Dr. Francisco Correia das Neves, autor de uma obra sobre os forais atribuídos no concelho. A preparar uma obra literária sobre o tema, também o avoense José Rodrigues Gonçalves se mostrou disponível para, em cada localidade que gozou de carta de foral, fazer uma abordagem àquele marco da história.

No arranque das comemorações da atribuição dos forais, a freguesia de Seixo da Beira brinda a comunidade, já no próximo domingo, com uma missa com participação do Coral de Sant’Ana. Prevista está também a atuação do Rancho Folclórico de Seixo da Beira seguida da recriação da atribuição da carta de foral. A freguesia encerra as comemorações no dia da Festa do Pão e Bolas, com realização em setembro, momento em que deverá ser recriado o ambiente próprio do período medieval.

LEIA TAMBÉM

Dois jovens detidos em Seia enquanto assaltavam uma viatura

A GNR deteve ontem dois homens de 18 e 21 anos, em flagrante delito, por …

GNR deteve traficante de droga em Celorico da Beira

O Núcleo de Investigação Criminal da Guarda da GNR deteve um homem com 54 anos …