Oliveira do Hospital entre os territórios que vão receber os 110 projectos e investimento de 345 milhões no âmbito da iniciativa Atrair

O sistema de apoio Atrair, que visa captar investimento para zonas afectadas pelos incêndios de 15 de Outubro de 2017, superou as “expectativas”, com 110 projectos aprovados ao fim de um ano, num investimento de 345 milhões de euros, segundo o Ministério da Economia. Oliveira do Hospital encontra-se nestes territórios.

“Decorrido um ano após o lançamento desta linha de apoio, a sua implementação superou as expectativas, como está reflectido nos números da sua execução”, disse fonte oficial do Ministério da Economia.

No âmbito desta linha de apoio foram aprovados 110 projectos, envolvendo um investimento de 345 milhões de euros e um apoio correspondente de 191 milhões de euros”, prosseguiu, adiantando que o apoio “superou largamente o inicialmente previsto (105 milhões) “.

“O efeito incremental previsto pelos projectos aprovados em termos de aumento do potencial exportador é de cerca de 236 milhões de euros”, acrescentou. “Verifica-se igualmente um impacto relevante desta linha de apoio ao nível do emprego, uma vez que os projectas aprovados prevêem a criação de um total de 2.164 postos de trabalho, dos quais 431 qualificados”, concluiu o ministério tutelado por Pedro Siza Vieira.

Após os incêndios que afectaram o país no final de 2017, a Resolução do Conselho de Ministros n.º 167-B/2017 veio determinar a adopção de medidas de apoio à actividade empresarial nos territórios afectados pelos incêndios de 15 de Outubro, prevendo na alínea c) do n.º 2, a abertura de concursos específicos, no âmbito do Portugal 2020, de apoios a projectos de investimento produtivo empresarial localizados em territórios afectados pelos incêndios.

LEIA TAMBÉM

Município de Oliveira do Hospital volta a ser distinguido como amigo das famílias

Oliveira do Hospital volta a estar entre os setenta municípios que foram distinguidos por adoptarem …

“Senti que não tinha condições para continuar a exercer o cargo para o qual fui eleito”

O presidente da Junta de Freguesia de Travanca de Lagos assegurou ao CBS que renunciou …