Oliveira do Hospital espera por “milhares de pessoas” em mais uma edição das marchas populares

São elevadas as expectativas em torno das Marchas Populares de Oliveira do Hospital que se realizam sábado, a partir das 21h00, no Parque do Mandanelho. A organização espera por “uma grande enchente, independentemente do tempo”.

Em mês de santos populares, também a Câmara Municipal de Oliveira do Hospital reedita a iniciativa das Marchas Populares responsável por, em cada ano, atrair enchentes ao Parque do Mandanelho, em pleno centro da cidade.

Três marchas infantis – Obra, Centro Social e Paroquial de Seixo da Beira, FAAD – e seis marchas seniores – Arcial, ACR Lagares da Beira, AD Gramaços, ADSC Vale Cobrale Freguesia de Meruge, Rancho Folclórico de Lagares da Beira e SDP Avô – são esperadas na noite do próximo sábado, dia 21 de junho, a partir das 21h00, acompanhadas por três bandas filarmónicas concelhias – Sangianense, Ervedal da Beira e Avoense – fazendo desta iniciativa “a maior organização de sempre das marchas”.

Assim entende a vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital que, em conferência de imprensa de apresentação da iniciativa deu conta da participação de perto de meio milhar de marchantes que vêm até ao Mandanelho para “comemorar os santos populares”. “É um evento com história, enraizado e que muito orgulha os oliveirenses”, referiu ainda Graça Silva que atribui o sucesso de cada edição ao bom trabalho de parceria com as instituições e coletividades envolvidas na organização do programa das Marchas Populares. A contribuir está também a “excelência” do espaço que serve de palco à iniciativa, o Parque do Mandanelho.

Na edição em que, pelo terceiro ano consecutivo, Oliveira do Hospital recebe a Marcha de Alfama e em que, pela primeira vez, a Arcial participa na iniciativa, Graça Silva não tem dúvidas do sucesso das Marchas Populares. “Se o tempo não falhar contamos com milhares de pessoas. Tudo está preparado para que seja uma grande noite”, referiu a responsável, revelando ainda outra novidade da iniciativa, em particular a presença de “tasquinhas” com venda de produtos típicos, bem como de caldo verde e sardinha.

Expectativas elevadas que são também partilhadas pelo presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital confiante que está na boa organização da iniciativa fruto do “trabalho conjunto” que vem sendo realizado. “Não posso deixar de vos dar os parabéns pelo trabalho fantástico que fazem”, referiu José Carlos Alexandrino referindo-se a todos os envolvidos no programa das Marchas Populares, destacando de forma particular a estreia da Arcial por possibilitar a aproximação com “pessoas com características diferentes. “Acabámos com a classificação, porque a vitória é de todas as marchas, mas uma marcha vencedora é a Arcial”, disse ainda o autarca .

Razões que levam José Carlos Alexandrino a acreditar que “será uma grande noite e grande enchente”. “Independentemente do tempo, vão estar milhares de pessoas com certeza”, disse confiante.

LEIA TAMBÉM

José Carlos Alexandrino acusa Governo de discriminação na ajuda pós-incêndios

O presidente da câmara de Oliveira do Hospital acusou o Governo de estar a discriminar …

IP reforça meios de prevenção e limpeza de gelo e neve nas estradas da Serra da Estrela com novo Silo de Sal-gema na Guarda

A Infra-estruturas de Portugal (IP) instalou na Guarda, um novo silo de sal-gema com capacidade …