Onde está a caleira? Autor: João Paulo Albuquerque

Onde está a caleira? Autor: João Paulo Albuquerque

Tentar encontrar Wally passou a ser comum, a partir de 1987, com o aparecimento deste personagem criado pelo ilustrador britânico Martin Handford, tornando-se há mais de duas décadas numa febre mundial. Nos livros infantis, Wally é um turista de indumentária esquisita (gorro e camisa listrados de vermelho e branco, calça jeans e usa bengala) que Handford esconde em detalhadíssimas ilustrações.

E porquê referir Martim Handford e o seu famoso Wally? Para além de estar em concordância com o título, o simples propósito resume-se ao convite final feito aos leitores, como constatarão mais à frente.

O facto de não poder estar presente no momento em que se situaram os acontecimentos em questão, pois motivos particulares obrigaram a ausentar-me nessa altura, fez com que seguisse o noticiário local através da net, lendo a informação on-line disponibilizada e acessível. Fiquei particularmente interessado nas notícias que referiam a estrutura e cobertura metálica da bancada central do Estádio Municipal de Oliveira do Hospital, pois foi sob minha alçada que esta foi projetada, preparada, fabricada e montada.

Tinha em mente que esta cobertura não tinha sido fornecida com caleira, o que me deixava satisfeito, pois o problemático e malfadado algeroz, que sujeitou a CMOH a limpar o terreno vizinho pertencente Sr. Engº Belmiro de Azevedo, recentemente medalhado pela autarquia, e que contribuiu para um comunicado da Direção do FCOH reforçando e apoiando a ação da CMOH na limpeza efetuada, nada tinha de minha responsabilidade. Por ventura, o caleiro teria sido colocado posteriormente.

Ao regressar, tive oportunidade de observar o local, reparei que a cobertura estava sem caleira, tal como tinha ficado nos meados da década de 90 do milénio passado, altura em que foi montada a pedido do Presidente da Câmara Engº Carlos Portugal. Considerei que a tivessem removido, que estivesse danificada e sem concerto. Enganei-me, não estava e também ninguém a removeu, não a vislumbro nem encontro, por isso optei por esta analogia com o Wally, convidando os Oliveirenses a tentarem encontrar a nefasta caleira. Caso não consigam, pois é difícil aparecer o que não existe, aconselho a CMOH e o FCOH a reverem as justificações que deram para fundamentar a limpeza do terreno que segundo o Sr. Presidente, albergará o futuro hipermercado “Continente”.

LEIA TAMBÉM

Crónicas de Lisboa: “Os Livros que ninguém lê”. Autor: Serafim Marques

Graças aos novos processos de produção, tornou-se relativamente fácil e barato editar um livro. Por …

Rui Rio chocado com o que encontrou no Centro de Saúde de Oliveira do Hospital

O líder do PSD ficou estupefacto com o estado que encontrou no Centro de Saúde …

  • Sr. Viegas

    Caro João Paulo Albuquerque, bons olhos o vejam por terras lusitanas. Na verdade não há caleira assim como também não vai haver Continente. Há, na verdade, desculpas da péssima gestão camarária que teimam em seguir. Mais grave que estes senhores da CMOH tentarem brincar com o erário público, foi o facto do FC Oliveira do Hospital e os seus dirigentes revelarem que prestam uma ligação de vassalagem à Câmara Municipal..Meus senhores, são um órgão independente, tenham autonomia, pensem por cabeça própria e deixem de tentar justificar o injustificável. Em tempos, para vosso bem, fazia-se trinta por uma linha e ninguém dizia nada, agora, e para vosso mal, foi criado o FightClub, já lutaram hoje? querem mais? vai ser assim, até ao fim…

  • António Lopes

    A verdade e a Câmara, especialmente o Senhor Presidente, há muito se divorciaram..! Fico muito triste ao ler o que o amigo João Paulo Albuquerque afirma, relativamente à não existência da caleira e do algeroz. Em breve se confirmarão outras inverdades e muitas meias verdades. O que me intriga para não dizer revolta,aquilo que questiono é: Qual a necessidade do permanente recurso à mentira? Qual é o gozo de mentir aos que em nós confiaram e nos mandataram para agir pelo bem comum e pela verdade?

    • Guerra Junqueiro

      Caro Sr. António Lopes;

      Chegou-se ao limite, quando se alega o acesso a uma caleira inexistente para justificar a limpeza de um terreno particular, pergunto qual é a definição que esta gente dá à transparência? Qual foi a transparência presente no processo utilizado para a sua destituição?

      Cumprimentos
      Guerra Junqueiro

      • Sr. Viegas

        Tudo se trata de reacções! Quero ver qual a reacção do Senhor Presidente Paulo Figueiras, será tão apressado a responder como o foi a quando da defesa da CMOH? Não acredito, no entanto, caso o senhor Paulo Figueiras queira argumentar terá de aguardar, afinal, o senhor a quem deve vassalagem (sabemos lá nós porquê, mas deve ter sido pelos novos balneários) ainda não deve ter redigido a resposta…E homens há? a haver juntem-se, ao FightClub!

  • Sr. Viegas

    Alista-te no Clube da Luta. Se tens tudo no sitio, e não gostas que brinquem com os dinheiros públicos, junta-te a este movimento iluminista mas reaccionário. Para te alistares mantêm-te inconformado, não precisas de contactar, serás contactado..

  • Guerra Junqueiro

    “5. Após análise efectuada pelo técnicos do Município, verificou-se que havia de
    facto que intervir na cobertura da bancada, desobstruindo a caleira aí
    existente, e bem assim proceder à reparação dos buracos existentes na
    cobertura.
    6. A fim de aceder à cobertura da bancada – que como qualquer utente ou
    visitante do Estádio municipal sabe não tem acesso pelo interior do mesmo, o
    que pode ser verificado no local sem qualquer dificuldade nem margem para
    dúvidas – os técnicos da Câmara Municipal tiveram que usar [o que fazem desde há anos, desde que a cobertura da bancada foi construída] o terreno confinante com o Estádio, numa faixa de cerca de 2 metros.”

    Será que os técnicos da câmara, foram ouvidos de modo a serem assim referenciados no comunicado do Sr Paulo Figueira?

    Cumprimentos
    Guerra Junqueiro

  • Politicalex

    Aquando da publicação da carta do FCOH lamentei. Era evidente a “encomenda”. Atente-se no ponto 11: “Lamenta a direcção que a coberto de anonimatos tão convenientes como cobardes,supostos empresários e apoiantes do clube…(está a seguir, leiam bem)” .Então, se é anónimo como é que se sabe que são empresários que apoiam o clube? “apenas demonstram que ou não conhecem o Estádio ou então, não o frequentam há tanto tempo que já não se recordam do mesmo” Não fazem por menos. Afinal de tanto o frequentarem até lá esta uma caleira que nunca existiu e ninguem vê!!! Deve ser por causa dessa transparência que por aí anda..! E metem técnicos da Câmara ao barulho..! E o bom nome dos tècnicos?Como é que fica..? Quais técnicos? Foi lá algum? Depois, não há apoios ao clube..! Os que apoiam tratam-nos assim..! E são independentes e apartidários..! Imaginem se não fossem..Sr Presidente da Câmara: Em política não vale tudo. Senhor Paulo Figueira. Eu compreendo.Só que, às vezes, é preciso dizer nãaaaaooooooo !!!

    11. Lamenta ainda esta Direcção que, a coberto de anonimatos tão
    convenientes como cobardes, supostos empresários e apoiantes do clube
    profiram declarações que apenas demonstram que, ou não conhecem o
    Estádio, ou então de não o frequentarem há tanto tempo já não se
    recordam do mesmo.
    12. Finalmente, e enquanto instituição
    independente e apartidária, o FC OLIVEIRA DO HOSPITAL esclarece que
    jamais se prestará a qualquer tipo de especulação sobre instituições e
    pessoas, não permitindo que o seu nome seja usado para o efeito.
    Com os melhores cumprimentos,
    A Direcção do FC OLVEIRA DO HOSPITAL,
    Paulo Figueira

  • Mais limpo não há…

    Não vejo a razão de estarem a fazer todo este alarido. Deviam era vergar-se à eficiência dos serviços municipais. Fizeram uma limpeza de tal maneira eficiente que a caleira não é visível a olho nu. Só isso. Más línguas.

    • Politicalex

      Isto agora é tudo tão transparente que pelo menos a oposição não consegue ver a caleira !!!!! .Como sou muito generoso,deixo uma dica: “Roubem” uma caleira e joguem-na para lá. E tem que ser ainda esta noite.Amanhã vai ser um corrilório para ver a caleira!!! De outro modo tem que haver demissões..! Isto é grave demais..Há pessoas que não conhecem os límites..! É a Alexilândia….

      • Transparência

        Grande ponderação Politicalex.
        Que outra coisa se pode fazer, para salvar a honra do convento?

    • Guerra Junqueiro

      Gostava de dar os parabéns aos serviços camarários, que para além de limparem o terreno concluíram com êxito a difícil desobstrução existente na caleira inexistente.

      Cumprimentos
      Guerra Junqueiro

  • pombal

    O Pombo, para além da porcaria que faz, é também como toda a gente sabe um rapaz com dupla personalidade de sorrisinho cínico e que normalmente anda aqui nos comentários com o nome de Guerra Junqueiro.

    Militante do PSD andou há uns anos atrás assiduamente na campanha eleitoral com o José Carlos Alexandrino pelo PS contra o Mário Alves. Depois começou a denegrir o agora amigo Milhões de Vila Franca ou dos Unhais com os comentários que todos sabemos. Depois, juntou-se ao Duarte que sabe mais ele a dormir que o Pombo acordado. Zangaram-se por causa de uns lugares na lista do PSD porque o Pombo queria era poleiro.

    Agora anda de braço dado com o Milhões numa cruzada contra o Presidente da Câmara.

    Está visto que este Pombo é muito coerente. Não há lá ninguém melhor no Pombal? Aguardemos as respostas do Ploticalex, do Combate, do Sr. Viegas, do Guerra Junqueiro e de tantos outros nomes que o personagem Milhões e o personagem Pombo utilizam para conspurcar o blogue do Lopes,

    • Mais limpo não há

      Eu pensei que o importante aqui era saber se existe ou não a caleira. O pombal, além de dizer mal desse tal pombo, será que nos poderia elucidar? Seria de grande ajuda. Não me interessa a carreira política desse pombo (isso é lá com ele), interessa-me é saber se a caleira existe ou se os representantes da autarquia mentiram. Como munícipe é isso que tem relevância. O pombal, dá ideia que não parece muito convencido da existência de tal caleira, reconhecendo total razão ao João Paulo Albuquerque. Não é verdade?

    • Politicalex

      Do Politicalex e de todo o “GC” levas a resposta já. O Pombo e o Milhões mudarem é a coisa mais natural.Perante tantas parecidas com esta..! Dupla personalidade há quem tenha, mas não é o Pombo nem o Caga Milhões. É quem anda aos beijinhos e sorrisinhos e depois se alimente do ego e da ignorância e utilize o lugar que tem para denegrir quem não lhe apara os golpes, e forçe a situações como esta. Nós percebemos mas , do que se está à espera é que o senhor presidente da Câmara anuncie a sua demissão. A comfirmar-se que não há caleira, e não tenho duvida que não há,o Presidente da Câmara,se tiver caracter e seguir o habitual em casos semelhantes, não tem outro caminho. O que se estava à espera era que os “pombos”, os “sólérias” e os outros servilistas arregimetados que não são mais que dois ou três e com as dicas mandadas por alguém, nos viessem explicar como é possível acontecerem coisas destas. Dupla personalidade tem quem quase forçou, para não dizer que forçou mesmo porque a pessoa só vai para onde quer, o AL, a ir para a direcção do Nogueirense, para depois fazer o papel miserável que fez. Pessoalmente não tenho duvida nenhuma que a carta do Oliveira foi forçada no mesmo sítio, até porque, conheço bem a direcção do Oliveira.É vergonhoso forçar, pela necessidade, a que se tomem posições como a que se tomaram,quer em Nogueira quer em Oliveira. E porquê? Porque há pessoas que teimam em não conhecer a lei e se recusam a respeitar as instituições. Porque o ego de algumas pessoas não lhes permite viver segundo as regras democráticas estebelecidas na lei, nomeadamente o artº239 da Constituição e 5 da lei 75/2013-Lei das autarquias locais e queiram mandar nas instituições a que estão subordinados..Naturalmente as pesssóas afastam-se. Estes e muitos mais.Todos os que pensem e façam sombra, passam a inimigos..! .Esclarecido ou precisa de mais alguma coisa..? Eu quero saber é quem foram os técnicos que lá foram. Quanto ao “Caga Milhões”, como lhe chamas, se bem o conheço, deve estar a perguntar-vos, oficialmente, a mesma coisa..Fico curioso pela resposta…

      • Um habitante da Kambra

        Dupla personalidade tem ele e mais alguém (Alex).Não digam mentiras.Onde está a caleira.Se lá não há caleira demita-se Sr. Presidente,não seja assim ,olhe a dupla personalidade. Aprenda Sr. Presidente a escrever,a falar e a estar na vida.A sua governação a que mete m….da,mais que algum.Tem de facto que se cultivar e mostrar cultura geral para o cargo.Nunca teve nenhuma.Aprenda.

    • Transparência

      Conheço um lugar onde não há pombos, mas há rolos e aves de arribação. Vê lá a caca que fazem, é ás caleiras.
      Se queres falar com o homem, é fácil encontra-lo, tiras as duvidas todas.
      Não te esqueças, por vezes tem que se mudar de partido para não se mudar de politica, a dele parece ser a da honestidade e transparência.

  • Caleiras

    Ora então o Eng. Guerra Junqueiro afirma que não há caleira.
    Tem a certeza absoluta do que diz?

    • Quero Ver

      Vais mostrar , ou não? Tenho mais que fazer…

    • Guerra Junqueiro

      O texto expressa um convite ás pessoas para tentarem encontrar a caleira. Já a encontrou?
      Posso propor uma ideia bem ao gosto do Sr Presidente, que é a criação de um grupo multidisciplinar para procurarem a caleira. Aí uns 20 ou 30 elementos que recebam limpos mil e tal euros por mês, pois o trabalho não é fácil.

      Cumprimentos
      Guerra Junqueiro

  • Quero Ver

    “Caleiras” : Quero Ver .Pode ser-me mostrada? Ou seguiram o Conselho e foram desencantar uma. Caleira em campo de futebol? Onde? E quem são os empresários anónimos que ajudaram o Clube? É com cada calinada..! Nota-se bem o embaraço desta gente toda…Quando tudo gira em volta da cunha e do favor é assim…
    Senhor Presidente da Câmara: O Senhor acha que tem vida e conhecimentos para andar nisto..? Do que se vai sabendo vai sair disto tudo muito mal…Nunca ou viu dizer que a mentira tem a perna curta..?

  • Guerra Junqueiro

    Estive agora a fazer uma busca simples e comprovativa, de como não havia caleira alguma na cobertura da bancada do Estádio de futebol de OH.
    Vão ao Google Maps, descubram o estádio de Oliveira escolham a função street view e vejam pois está claro, como não existe nenhuma caleira.

    Cumprimentos
    Guerra Junqueiro

  • Caleiras

    Caro engenheiro,

    É no mínimo confrangedor ir buscar uma imagem de 2010 para
    dar veracidade ao teu artigo de opinião.

    Pensei que tivesses verificado “in loco” a existência da
    caleira.

    Fico preocupado por duas situações:

    1.ª Haver um engenheiro responsável por uma obra que coloca
    a descarga das águas para uma zona de circulação de pessoas;

    2.ª Não verificar no local a existência de uma caleira que lá
    foi colocada há uns anos para corrigir o problema referido no ponto 1.

    • Curioso

      Já apareceu a caleira? Mostre.
      Há quem esteja preocupado a sério.

    • Guerra Junqueiro

      As únicas pessoas que se enfurecem ao ouvir (ou a ler) a verdade, são aquelas que vivem a mentira.

      Cumprimentos
      Guerra Junqueiro

  • Quero Ver

    Foram arranjar a caleira e mostram uma foto com a caleira neste estado..? Que coisa mais estranha..! Esta foto foi tirada, onde..? Isto está bonito.E a foto da pessoa que anda a ajudar o António Lopes, também têm em arquivo,ou está em mau estado como a caleira..? Podem publicar uma..? A mentira tem a perna curta..!

  • Politicalex

    E o comunicado do FCOH foi ou não foi encomenda? Quem o escreveu? A pedido de quem? Quem acertar nas três perguntas tem uma semana de férias..!

  • Bronco

    “Combatentes” obrigado por demonstrarem como são.
    Fizeram juízos de valor de forma gratuita.
    Querem vocês ser alternativa ao poder?
    Não me parece. Cometem erros muito básicos.

    • Transparência

      Erros básicos?
      Os Oliveirenses estão a detectar esses erros.

  • Adaptação

    António Lopes:

    A verdade e o CBS, especialmente o Senhor Guerra Junqueiro, há muito se divorciaram..! Fico muito triste ao ler o que o amigo João Paulo Albuquerque afirma, relativamente à NÃO existência da caleira e do algeroz. Em breve se confirmarão outras inverdades e muitas meias verdades. O que me intriga para não dizer revolta,aquilo que questiono é: Qual a necessidade do permanente recurso à mentira? Qual é o gozo de mentir aos leitores e que presumem que o CBS age pelo bem comum e pela verdade?

  • Wally

    Wally onde estão:

    António Lopes, Guerra Junqueiro, Sr. Viegas, Politalex (…) ?

    Querem eles ser famosos como tu. Mas tu mesmo caladinho e discreto consegues ter mais personalidade do que as personagens que só sabem dizer mal, tanto mal, que por vezes não vêm o óbvio, neste caso uma caleira com uns 40m.

    • Transparência

      Obstruída?

  • Combate

    Não me custa nada admitir o erro do João Paulo. Que é conveniente se
    fara com certezas e credibilidade é.Que confiei e comentámos em
    conformidade também é verdade.Porém, abençoada caleira. Ontem ficaram
    caladinhos como ratos.Hoje depois de descobrirem aquelas latas,
    respiraram de alívio e aí estão.A abençoada caleira permitiu reanalisar
    todo o processo.Porque já confirmei,o comunicado do FCOH foi encomenda
    concretizada pelo Senhor Doutor Rui Monteiro e chancelada pela
    direcção.Pelo menos o Presidente assinou.O Senhor Doutor , já no dia 27
    de Abril dia seguinte à demissão de António Lopes, deu uma graça no
    salão Nobre. O Sr.Presidente incapaz de se assumir lá veio com os :
    “alguns, ontem, nesta sala,estavam contra”.O Sr.Dr.Rui Monteiro foi
    depositário de 50 mil euros oferecidos por aquele autarca que já antes
    tinha oferecido mais 75 mil. Quanto lá colocou, do dele, o
    Sr.Presidente? Apoiar o FCOH é um favor ou é um dever da Câmara? Há
    muitos que gostam de bola e festas desde que sejam outros a pagar..!
    Estranho gosto..! Outros “não gostam” mas metem lá…Se o ridículo
    matasse..!

    Sem qualquer concurso, atabalhoada e ilegalmente,
    foram feitas obras de várias centenas de milhar, no Estádio Municipal,
    especialmente no relvado. A promessa eleitoral era um complexo
    desportivo. Saiu este remendo, que está denunciado na IGF. Veja-se nas
    actas da Câmara, o que disse Mário Alves, acerca deste trabalho que
    mereceu notícia no CBS. Uma autarquia responsável faz as coisas como
    devem ser feitas e de forma legal. Não foi o caso. Este já é o 2º
    inverno com a água a cair nas bancadas e não é só da caleira. É também
    de chapas partidas. A caleira está mais ou menos como a gestão
    camarária…a martelo, por erro e tentativa, sem qualquer estudo quer de
    custo quer de eficáçia. A caleira e o estado em que se encontra são o
    atestado irrefutável do que afirmo. O resto, como muito bem gosta de
    dizer o Senhor Presidente quando a conversa está menos interessante, são
    “fait divers”. O assunto já estava esquecido quando foi “imposto” o
    comunicado.Como hoje me dizia um dirigente:”nós precisamos deles, o que é
    que podiamos fazer”..?

  • António Lopes

    António Lopes é muito fácil de encontrar. Onde estiver o interesse do Concelho, a luta contra servilistas , arrranjinhos e bandeiras, se não estiver lá, andará muito próximo. Onde estiver a prepotência a incompetência e o eleitoralismo a qualquer preço, também não será dificil encontrar. Onde estiver a mediocridade, ele por certo estará do outro lado. Estou em África mas, como constata é só pedir.Sou todo atenções…Disponham…Se não for pedir muito tratem lá da bendita caleira como o Estádio o Concelho e o FCOH, merecem.Ela é bem o retrato do “Estado a que isto chegou”..! Estou há meses à espera de informação sobre problemas bem mais graves do Estádio, que a anunciada “transparência”, ainda não permitiu que me chegassem. E não falei na caleira.Também eu, não estou para “fait divers”

  • caleiras

    Mentira!
    Mentira de mentirosos e oportunistas!
    Que grupo. Um que anda pelo “interesse do concelho” abandonou o Teté porque não ia ter o “poleiro” que queria. Outro tanto fala do Barreto mas farta-se de trabalhar, à porta, é mais …. seguro.
    Todos guiados pelo superior interesse e por quem quem tanto se preocupa com o caminho dos outros e esquece o dele. Credibilidade senhores.
    Apenas isso!
    Descobriram agora a caleira? Não façam das pessoas burras! Esse é um dos vossos males. Julgam-se num patamar superior.
    A verdade é e sempre foi esta. infiltracoes na bancada – primeiro porque um conceituado engenheiro foi responsavel por colocar uma cobertura daquelas sem caleira. Logo, a agua depositava-se e acabava por e infiltrar. Mais tarde alguem teve que resolver o problema colocando uma caleira. Com o tempo apareceram problemas na cobertura e na caleira que nao é tao virtual quanto a capacidade de alguns. Houve necessidade de lá chegar e intervir e para isso a limpeza naquela zona. Ponto final.
    Todos viram menos os iluminados, mentirosos e venenosos cá do sítio.
    E como bom jornalismo – cá veio a notícia /artigo de encomenda e com o objetivo de sempre – mesmo sendo uma grande aldrabice!
    Qual a vossa credibilidade? Já todos perceberam. O grupo do bota abaixo que só procura ou inventa noticias para “o bem do concelho”. Aliás fartam-se de o promover.
    Já são por demais conhecidos.

  • Politicalex

    Mas, foi o engenheiro Joao Paulo que fez o projecto? O artigo é de opinião, igual a tantas aldrabices que leio nos jornais bons da terra,artigos esses que só vêm virtudes nos sorvedores do erário publico,que gastam o dinheiro em festas bola e bandeirinhas..Esses é que são os interessados no Concelho? Uma boa parte dos que hoje debitam sobre o Concelho, quando em actividade por conta própria, todos deram com “os burros na água”, tal é a capacidade. Os outros sempre viveram do orçamento do Estado. Agora querem ver se os outros são iguais a eles. Não são. Hà quanto tempo foram pedidos os números do campo de futebol(sem caleira)? Quando é que a transparência os manda..? Houve ou não houve pressões sobre o Oliveira e o Nogueirense..? Esses é que são os problemas, preocupantes e há muitolevantados e há muito sem resposta..Condicionarem as pessoas através dos subsídios, é o forte!!! Esses é que são os problemas. Não nos tentem distrair. Há “direito de resposta” para isso? Ou teve que ser através da CADA e do IGF..? Falemos de coisas sérias. Porque o homem não viu a caleira caiu o Mundo..! Virem mostra-la naquele estado diz tudo. Os senhores não são poder há cinco anos? Não fizeram obras ilegais de vulto para as eleições? A caleira não estava lá nessa altura? Então..?

  • João Paulo Albuquerque

    A obra foi projectada pela Câmara Municipal, tendo eu somente apoiado os técnicos em algumas questões, a restante preparação, produção e montagem, sim foi de minha responsabilidade.

    A caleira não foi colocada na altura das montagens porque a solução podia passar por outra opção com valeta no solo. Pelos vistos colocaram a caleira posteriormente, quando, não sei, mas a notar pelas pequenas descargas, a drenagem no solo foi executada, e se há infiltrações, estas devem ser a esse nível e não na cobertura.

    Como não tenho autorização para entrar nos terrenos do Engº Belmiro de Azevedo, só pode observar da estrada, local onde não se consegue vislumbrar a caleira. Por isso o texto que escrevi intitulava-se “Onde está a caleira?”, pelos vistos a CMOH, agora descobriu o que em tempos terá sido uma caleira, mas que hoje não o é, pois a parte inferior denominada “caleiro” e que define o artefacto como caleira, não existe.

    Embora as águas continuem a cair para os terrenos agora camarários e que na altura eram da Fundação, pois como as chapas enferrujadas que lá estão sem caleiro, não cumprem a função destinada a uma caleira, deixam que a água caia como se nada lá estivesse.

    Agora, sou franco, estou muito satisfeito com o texto que publiquei e com o que aconteceu, pois provei que a CMOH apoiada pela servilismo da Direcção do FCOH, mentiu aos Oliveirenses quando se desculpou com a desobstrução da caleira da cobertura da bancada, usando tal para limpar os terrenos particulares do dono da SONAE. Pois, o que disseram que foram desobstruir, não tem possibilidade de estar obstruído e de remeter as águas para a cobertura, pois toda a água sai sem problemas pelos buracos existentes que são mais do que o material, e em grande parte do beirado, a fixação da caleira não existe, está afastada, deixando passar a água sem chegar à caleira.

    É também triste que a Direcção do FCOH inclusive o autor do texto, ponha gostos través do Facebook no direito à resposta que a Câmara usou. A CMOH foi criticada pelos princípios utilizados nas melhorias efectuadas no Campo de Futebol, mais triste ainda foi não terem tratado dos problemas das infiltrações nessa altura.

    Gostava de saber quais são os técnicos da câmara que defendem a obstrução daquela “caleira”, e quem foi que a desobstruiu?

    João Paulo Albuquerque