Orçamento de Estado para 2010 contempla construção dos IC 6, 7 e 37

Numa altura em que se receava que os cortes orçamentais no Orçamento de Estado para 2010 (OE 2010) pudessem implicar um revés no processo das novas concessões rodoviárias anunciadas pelo anterior governo de José Sócrates – o secretário de Estado Adjunto das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, Paulo Campos, teve um papel considerado decisivo em todo este processo –, o correiodaberaserra.com acaba de apurar que aquele investimento já se encontra inscrito na proposta de OE 2010 apresentada anteontem pelo Ministro das Finanças, e que vai agora ser discutida na Assembleia da República.

Na concessão Serra da Estrela, onde – entre outras acessibilidades – estão previstas as construções do IC 6 (entre Tábua e Covilhã), IC 7 (entre Oliveira do Hospital e Fornos de Algodres, na A 25) e o IC 37 (entre Viseu e Seia), está em causa uma extensão rodoviária de 150 quilómetros.

A ordem para o lançamento do concurso público internacional com vista à execução daqueles traçados, em regime de parceria público-privada, já havia sido dada à empresa “Estradas de Portugal” pelo Ministério das Obras Públicas em Agosto de 2009 que, num despacho publicado em Diário da República, determinou que o concurso deveria ser lançado até ao final do primeiro semestre de 2010.

Porém, e durante a discussão do Orçamento de Estado que o Governo promoveu com os dois principais partidos da oposição – PSD e CDS/PP – chegou a temer-se que o projecto, face às restrições orçamentais, ficasse na gaveta.

Entretanto, este processo, que estava em fase de Avaliação de Impacte Ambiental, acaba também de dar um passo importante, já que os traçados previstos na Concessão Serra da Estrela foram votados favoravelmente pelo Ministério do Ambiente.Em breve, o projecto passará à fase seguinte e será colocado em discussão pública.

IC 6 entre Catraia dos Poços e Poço Gato deverá abrir ao trânsito em Abril

Próximo da conclusão, encontra-se também a construção do IC 6 entre Catraia dos Poços e o Poço do Gato, no concelho de Tábua.

O troço deverá abrir ao público no próximo mês de Abril, uma vez que de acordo com o que este diário digital as condições climatéricas adversas terão provocado um ligeiro atraso na obra.

LEIA TAMBÉM

IP reforça meios de prevenção e limpeza de gelo e neve nas estradas da Serra da Estrela com novo Silo de Sal-gema na Guarda

A Infra-estruturas de Portugal (IP) instalou na Guarda, um novo silo de sal-gema com capacidade …

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …