À Boleia Autor: André Duarte Feiteira

Os Mestres da Ilusão. Autor: André Duarte Feiteira

Partindo do pressuposto que os mágicos normalmente utilizam cartas para criar ilusões, eis que, alguns dos nossos políticos, aprimoraram a técnica e apenas necessitam de utilizar algumas palavras. Aliás, a técnica foi de tal forma desenvolvida que, por vezes, querendo iludir, acabam também eles por se iludir .

No passado mês de Março, o senhor Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital (CMOH), José Carlos Alexandrino, afirmou, que até ao final do mês, o Primeiro-Ministro, António Costa, iria estar presente em Oliveira do Hospital. Já estamos em Abril, mas antes tarde do que nunca..! No dia em que deu estas declarações, o senhor Presidente, disse também que apesar de dia 1 de Abril ser dia das mentiras, não sendo nenhuma mentira, iria aproveitar a data para revelar se seria ou não recandidato à CMOH. Também já vamos a dia 5 de Abril e ainda não se avista fumo branco… Estes dois exemplos justificam então a minha afirmação inicial “por vezes, querendo iludir, acabam também eles por se iludir.”

Mas a ilusão principal está lá!

Em ano de eleições, como não poderia deixar de ser, a construção do traçado do IC6, que já era condição de recandidatura em 2013, tinha que reviver em 2017. O senhor Presidente da CMOH, já tinha até alertado que a realização desta infraestrutura era determinante para se voltar ou não a recandidatar. E até aqui tudo bem. Afinal, é uma infraestrutura desejada por todos nós.

Contudo, e lamentavelmente, creio que tudo isto não passa de um mero truque. E justifico.

Em primeiro lugar, apoio-me na imprensa local para justificar a minha especulação. Das duas uma, ou os meios de comunicação social locais são totalmente desconhecedores da realidade nacional, ou então interpretam documentos sob a forma de videntes. Reparem nestes dois títulos: «Governo avança com IC6 entre Tábua e Oliveira do Hospital» «Governo investe 38 milhões de euros no IC6 entre Tábua e Oliveira do Hospital». Para quem lê, o IC6 está dado como certo, no entanto, não sei de onde retiraram tal informação. No quadro prioritário das obras publicas a lançar não consta o IC6, na página da Infraestruras de Portugal (IP) idem aspas, e o comunicado que foi emitido pelas IP, analisado por mim, não dá qualquer tipo de certezas nem garantias. Contudo, fiquei a perceber, que exceptuando o meio de comunicação social para o qual escrevo, todos os outros dão  o IC6 como certo, só que certo, como se costuma dizer, só quando está preto no branco.

Em segundo lugar, acho esta visita, ainda que em data incerta, por parte do Primeiro-Ministro António Costa a Oliveira do Hospital, vai coincidir com o momento em que o presidente da CMOH irá anunciar a sua recandidatura. – Porquê? Perguntarão vós. Simples. Da mesma forma que a comunicação social local deu a construção do IC6 como certa através de um documento “incerto”, para o Primeiro-Ministro, António Costa, vir a Oliveira do Hospital afirmar que o IC6 será uma realidade para breve, custa-lhe tanto como beber um copo de água. Para já o Partido Socialista tem candidato e palco para apresentar a recandidatura, quanto ao IC6 depois logo se vê…

Espero estar redondamente enganado e desejo que os acontecimentos se venham a desenrolar como nos contam, já que seria bastante importante para a região.

Eu cá, como acredito que quem tem magia não precisa de truques, tenho as minhas dúvidas. Mas cá estaremos.

À Boleia Autor: André Duarte FeiteiraAutor: André Duarte Feiteira

LEIA TAMBÉM

Esquece-se o essencial em favor do acessório! Será inocentemente? Autor: António Lopes

E, de repente, o problema deixa de ser a tragédia dos incêndios, nas suas diversas …

Petizes do FC Oliveira do Hospital são vice-campeões distritais

A formação do FC Oliveira do Hospital, no escalão do petizes, sagrou-se ontem vice-campeã distrital …

  • António Lopes

    Andrè: É como diz.E, até foi modesto. Em 2019 já houve cartazes: “Comigo, o IC6 é uma prioridade”..! Ser foi.E é..! Só que, não vai além disso.Uma prioridade.Só é pena o transito não nadar em cima de prioridades.Já estava resolvido.
    Toda a gente sabe que a UE é contra que se façam mais auto estradas ou similares, como é aqui o caso. João Galamba disse que não havia dinheiro, já lá vão quase dois anos.Na inauguração da EXPO 2016 O Secretário de Estado disse o mesmo.O Ministro das obras públicas disse, há pouco mais de um mês, que só se a UE apoiasse.Demais sabe ele que não apoia.Então vem agora um subordinado dizer que vai lançar a obra? Claro que, isto, é um jogar para canto.Daqui a uns tempos alguém se lembra do senhor que disse isso? E como não é governante não vincula e o governo não mentiu..!

    Quanto ao Senhor Presidente da Câmara nada me espanta.O que lhe tenho ouvido e aquilo que eu sei, nem vou ofender os mentirosos.Num caso desta importância e depois da jura que fez, aí está a atitude.Nem sim, nem não..! Já que tanto fala nos Oliveirenses,a minha opinião é que os Oliveirenses não apreciam “troca tintas”.E, Já agora, acho que merecem mais respeito..!

    António Lopes

  • Gente Séria

    Esta nossa justiça é um espanto. O pobre do sucateiro que na sua generosidade ofereceu os robalos ao Vara, apanhou 15 anos. O Vara que os papou, apanha cinco..! E quem compra lonas pelo dobro, geradores por cinco vezes mais, vai ficar a bater palmas..? Estranhamente, ou talvez não, são todos da mesma “banda”..! A que diz ser o melhor para nós..! AFASTA…!!! E por falar nisso, aquele que se “estava na sanita” para o segredo de justiça, sempre vem dar a mão ao Alex..?

  • Maria Fonseca

    Esta ilusão levada a cabo pelos xuxas e perpetuada pelo Alex, sai-nos muito cara.
    Quando o PSD ganhar a câmara, vejam os podres todos, para que os Oliveirenses saibam com quem andam metidos.

  • Luís Mendes

    Mas o Alex aparece, ou está com medo?
    Não entendo nada, tanta parra e tão pouca uva.