“Os Verdes” questionam governo sobre localização da ETAR de Alvôco de Várzeas

 

O ministério tutelado pela oliveirense Dulce Pássaro é o principal visado no requerimento apresentado ao governo pelo deputado José Luís Ferreira, a propósito da construção da ETAR de Alvôco de Várzeas.

Tendo em atenção as preocupações do movimento, que não se conforma com a localização da infra-estrutura e insiste a deslocalização para outro local da freguesia, o deputado questiona o ministério do Ambiente e Ordenamento do Território sobre o projeto, a opinião emitida e a forma como encara os impactos decorrentes daquela localização.

Tendo em consideração que quer a Câmara Municipal, quer a entidade gestora da obra chegaram a admitir os impactos negativos que a obra causa na paisagem, José Luís Ferreira questiona o ministério de Dulce Pássaro acerca da continuidade dos trabalhos, depois de os mesmos terem sido suspensos, fruto dos protestos da população que se insurgiu contra aquela localização.

A existência de uma praia fluvial nas proximidades é um dos argumentos invocados pelo deputado de “Os Verdes”, que chega a questionar o Ministério do Ambiente acerca da “compatível convivência” das duas realidades.

LEIA TAMBÉM

Festival “Origens” de Travanca de Lagos agendado para o próximo fim-de-semana

Os Jovens da Liga de Travanca de Lagos apresentam, de sexta-feira a domingo, mais uma …

“O presidente diz que Oliveira está na moda. Adarnela só se for na moda da idade da pedra. Não tem água, nem saneamento”

Quem chega a Adarnela, no concelho de Oliveira do Hospital encontra uma localidade dividida entre …