Mário Patrão

Piloto de Seia Mário Patrão corre Rali Dakar na equipa oficial da KTM

O piloto de motos de Seia Mário Patrão, que deveria alinhar no Rali Dakar pela equipa da KTM Portugal, vai correr na prova pela equipa oficial da marca. O facto deve-se à lesão do mexicano Ivan Ramirez que abriu espaço para o português e o piloto de beirão tem agora outras condições para obter um melhor resultado na prova que percorre três países da América do Sul: Paraguai, Bolívia e Argentina.

“É com grande entusiasmo que anuncio que vou estar inserido da equipa oficial KTM Red Bull no Dakar 2017. Agradeço à KTM por esta oportunidade de ocupar uma vaga numa das melhores estruturas do mundo, ao lado de uma equipa técnica e pilotos de grande nível”, reagiu Mário Patrão na sua página do facebook. O piloto beirão refere ainda que o seu “objectivo passar por ajudar a equipa à vitória final”, e agradece a todos os seus patrocinadores que sempre estiveram consigo “nesta grande aventura” que é o Rali Dakar.

A prova arranca hoje da capital do Paraguai, Assunção, e estende-se até ao próximo dia 14 na América do Sul, contando com 15 pilotos portugueses em competição. Esta é considerada a versão mais dura de sempre, com os participantes a atravessarem pela primeira vez o altiplano boliviano, onde vão enfrentar ambientes extremos. O final acontecerá no dia 14 na cidade argentina de Buenos Aires, doze etapas e nove mil quilómetros depois.

LEIA TAMBÉM

Candidato do PSD acusa executivo Tábua de não reflectir nas contas dívidas de 1,5 milhões

O candidato do PSD à Câmara Municipal de Tábua, José Pereira, acusa o actual executivo …

Incêndios destruíram mais 500 hectares em Seia

Autoridade Nacional de Protecção Civil alerta para risco de incêndios nos próximos três dias

O Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) …