PJ deteve 1.665 pessoas num ano: 190 são suspeitos de violarem crianças, 203 presumíveis homicidas

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, durante um ano, 1.665 pessoas, incluindo 203 presumíveis homicidas, 190 violadores e abusadores de crianças e 31 suspeitos por corrupção e fraude fiscal.

Há ainda a registar no balanço da PJ, 105 incendiários, 51 traficantes e detentores de armas de fogo, 356 traficantes de drogas, 16 traficantes de pessoas, 62 indiciados por burla e crime informático e 31 por corrupção e fraude fiscal.

A PJ apreendeu mais de seis toneladas de cocaína e mais de 23 de haxixe, 12 embarcações, 368 viaturas e 630 armas de fogo. Além disso, a arrestaram 595 imóveis, apreenderam 15 milhões de euros e propuseram a suspensão de operações financeiras avaliadas em 58 milhões de euros.

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …