Três incêndios no distrito da Guarda, um deles Alvoco da Serra, Seia

PJ deteve bombeiro que causou sete incêndios em Condeixa-a-Nova

A Polícia Judiciária, com a colaboração dos bombeiros de Condeixa-a-Nova, deteve um homem de 19 anos, por ser autor de sete incêndios florestais, ocorridos entre 9 de Março e 11 de Maio, em Condeixa-a-Nova.

O suspeito, bombeiro, usando chama direta, utilizando isqueiro, iniciou pelo menos sete focos de incêndio florestal, os quais não atingiram grande dimensão por terem sido de imediato combatidos pelos bombeiros. O suspeito era o próprio a dar o alerta, apressando-se depois na ajuda ao combate. “Pretendia adquirir prática para estar apto quando viessem os grandes incêndios”, refere a PJ.

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …