PJ deteve incendiário em Santa Comba Dão

A Polícia Judiciária, com a colaboração do Núcleo de Protecção da Natureza da GNR de Santa Comba Dão, deteve um homem, solteiro, desempregado, pela presumível prática de um crime de incêndio florestal em povoamento de acácias e de eucaliptos, tendo ardido apenas uma área aproximada de 50 m2. O fogo não teve mais consequências devido à eficazmente intervenção dos bombeiros.

O suspeito colocou o incêndio utilizando chama directa e actuou num quadro de alcoolismo. O detido, de 46 anos de idade, com antecedentes criminais por crimes da mesma natureza, foi presente às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório, tendo ficado sujeito à medida de coação de prisão preventiva.

Este ano a Polícia Judiciária já deteve 84 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

LEIA TAMBÉM

Governo lança hoje financiamento de 36 milhões para recuperar floresta das áreas ardidas, sendo 4 milhões para o Pinhal Interior

O Governo lança hoje concursos faseados de apoio à floresta, por região do país, no …

À Boleia Autor: André Duarte Feiteira

O país da Maria, do Manuel, das cunhas e dos tachos! Autor: André Duarte Feiteira

Que bonito é Portugal! Um país à beira mar plantado, com um clima afortunado e …