Incêndio

PJ deteve incendiário no concelho de Arganil

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem, de 32 anos, solteiro, pela presumível prática de um crime de incêndio numa galera carregada com mercadoria, ocorrido no dia 30 do mês de Abril no concelho de Arganil. O incêndio causou prejuízos avaliados em, pelo menos, cinquenta mil euros.

“O arguido usou chama directa para atear o incêndio e actuou por razões ainda não apuradas”, refere a PJ, adiantando que o detido foi presente às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório. O suspeito ficou obrigado a apresentações diárias no posto da entidade policial próxima da sua residência.

LEIA TAMBÉM

José Carlos Alexandrino garante que existem três médicos dispostos a vir trabalhar para Oliveira do Hospital desde que sejam contratados pela tutela

Deputado do PS Santinho Pacheco defende encaminhamento de doentes renais de Seia e Gouveia para Viseu

O deputado socialista Santinho Pacheco, eleito pelo circulo eleitoral da Guarda, anunciou hoje que questionou …

A partir de hoje a origem do leite é obrigatória nos rótulos

A origem do leite, queijo, requeijão, iogurte, manteiga ou nata vai ser obrigatória nos rótulos …