PJ deteve presumível incendiária florestal no concelho de Carregal do Sal

PJ deteve presumível incendiária florestal no concelho de Carregal do Sal

Uma mulher, de 64 anos, foi detida pela Polícia Judiciária, por suspeita de ter provocado um incêndio florestal, no concelho de Carregal do Sal, no último dia 24 de Agosto. A mulher é casada, doméstica, e o fogo da qual é suspeita fez arder cerca de 500 metros quadrados de mato e eucaliptos.

 A suspeita, por motivos não concretamente apurados, refere a PJ, “num quadro de profundo isolamento físico e emocional, usando chama directa, iniciou um foco de incêndio florestal, o qual não atingiu grande dimensão por ter sido de imediato combatido pelos bombeiros”.

No corrente ano a Polícia Judiciária procedeu já à identificação e detenção de 42 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

 

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …