Polícia Judiciária faz detenções por violação, assalto e tentativa de homicídio

PJ do centro deteve suspeito de sequestro e roubo e um outro homem, em flagrante, por burla informática

A Polícia Judiciária, através da Directoria do Centro, deteve um homem, de 44 anos, pela presumível autoria dos crimes de sequestro, roubo, coação grave e detenção de arma proibida, dos quais foi vítima um casal na zona de Leiria. Foi ainda identificada uma mulher.

O homem agora detido terá proposto a uma das vítimas que registasse em seu nome um automóvel de alta cilindrada, tendo em vista à prática de uma burla a uma seguradora, com simulação de um acidente de viação. Após a simulação do acidente, que ocorreu na zona norte do país, os dois envolvidos desentenderam-se relativamente ao acordado, o que levou um dos casais a praticar os crimes com ameaça de uma arma de fogo.

A PJ do centro procedeu ainda à detenção, em flagrante delito, na zona de Coimbra, de um homem, fortemente suspeito da prática de crimes de burla informática e de falsificação de documentos. Sem referir o local, a aquela força policial refere que o suspeito, através da internet, encomendou um “smartphone”, no valor de 354 euros, utilizando, para o efeito, abusivamente, os dados de um cartão de uma cliente de uma loja comercial. Foi detido quando se preparava para receber a encomenda de uma transportadora, usando um documento de identificação falso. O suspeito terá cometido actos de idêntica natureza em, pelo menos, em mais cinco ocasiões.

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …