PJ deteve suspeito de tráfico em Arganil

A Polícia Judiciária, através da diretoria do Centro, identificou e deteve um homem, pela presumível autoria da prática de um crime de tráfico de substâncias estupefacientes.

“A detenção ocorreu na zona de Arganil e foi materializada no âmbito de uma investigação na qual o detido era suspeito de possuir uma plantação de cannabis num terreno cercado por vegetação selvagem, junto da roulotte que lhe servia de habitação”, informa a PJ em comunicado enviado ao correiodabeiraserra.com.

Na sequência das diligências de recolha de prova que se realizaram, foi ainda possível à PJ localizar e apreender essa plantação, devidamente cuidada, tendo sido apreendidos cerca de 168 pés de plantas cannabis sativa L, atingindo muitas delas cerca de dois metros de altura.

Foram ainda apreendidos três depósitos de mil litros cada, para a rega das referidas plantas, centenas de metros de mangueira, uma balança digital e embalagens com sementes.

Foi ainda localizado um contentor (estufa) equipado com sistema de iluminação e ventilação preparado para a produção “indoor” das mesmas plantas.

O detido, de 64 anos de idade, foi presente a primeiro interrogatório judicial tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

LEIA TAMBÉM

Autarca de Oliveira do Hospital tem muitas dúvidas sobre a capacidade de se fazer cumprir lei de limpeza da floresta

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital acredita que nenhum concelho vai conseguir …

AVMISP avisa, após reunião Marcelo Rebelo de Sousa, que falta de apoios pode levar empresas afectadas pelos incêndios a encerrar

A Associação das Vítimas do Maior Incêndio de Sempre em Portugal (AVMISP) lamentou hoje, na …