A Polícia Judiciária deteve seis homens pela prática de crimes violentos

PJ liberta na Guarda duas vítimas de escravatura em trabalhos agrícolas

A Polícia Judiciária deteve três pessoas suspeitas dos crimes de tráfico de pessoas, sequestro e escravidão, alegadamente cometidos no decorrer dos últimos dois a três anos, na Guarda e em algumas localidades de Espanha.

As duas vítimas “foram acolhidas, mantidas e retidas contra a sua vontade e exploradas em trabalhos agrícolas, sem que alguma vez lhe tivesse sido paga qualquer remuneração. (…) Terão também sido alvo de maus-tratos e agressões físicas por parte dos detidos, dois deles familiares diretos entre si.”, explica a PJ em comunicado.

Os detidos, de idades compreendidas entre os 26 e os 54 anos, vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial, para aplicação das adequadas medidas de coação.

LEIA TAMBÉM

José Carlos Alexandrino garante que existem três médicos dispostos a vir trabalhar para Oliveira do Hospital desde que sejam contratados pela tutela

Deputado do PS Santinho Pacheco defende encaminhamento de doentes renais de Seia e Gouveia para Viseu

O deputado socialista Santinho Pacheco, eleito pelo circulo eleitoral da Guarda, anunciou hoje que questionou …

A partir de hoje a origem do leite é obrigatória nos rótulos

A origem do leite, queijo, requeijão, iogurte, manteiga ou nata vai ser obrigatória nos rótulos …