Polícia Judiciária deteve assaltantes de ourivesaria

A Diretoria do Centro da Polícia Judiciária identificou e deteve quatro três homens e uma mulher pela presumível autoria de um crime de roubo, com recurso a arma de fogo, ocorrido em janeiro, numa ourivesaria de Tondela.

“No decurso do assalto o comerciante foi ameaçado com arma de fogo, agredido e atirado ao chão, tendo recebido tratamento médico na sequência das lesões sofridas”, recorda a PJ em comunicado enviado ao correiodabeiraserra.com.

De acordo com aquela força de segurança, no decorrer das diligências de prova realizadas foram encontrados e apreendidos alguns objetos relacionados com o crime praticado, disfarces e uma arma proibida.

Os detidos, com idades compreendidas entre os 17 e os 32 anos, foram presentes a primeiro interrogatório judicial, tendo os homens ficado sujeitos a prisão preventiva e a mulher à obrigação de apresentação periódica às autoridades.

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …