A Polícia Judiciária deteve seis homens pela prática de crimes violentos

Polícia Judiciária deteve seis homens pela prática de crimes violentos

A Polícia Judiciária, através da Directoria do Centro, identificou e deteve seis homens, com idades compreendidas entre os 24 e 41 anos, madeireiros, por suspeita de serem autores de três crimes de sequestro e de outros tantos crimes de homicídio qualificado, cometidos na forma tentada, com recurso a arma de fogo, no passado fim-de-semana.

Os factos ocorreram na sequência de um “ajuste de contas” entre os suspeitos e os ofendidos, tendo as vítimas sido sequestradas e levadas para um local ermo, onde lhe foram infligidas agressões violentas, incluindo disparos de arma de fogo, que colocaram em sério risco as suas vidas. Na investigação que se seguiu, a Directoria do Centro contou com a estreita colaboração da GNR de Cantanhede e do Departamento de Investigação Criminal de Braga da Polícia Judiciária.

Os detidos vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação de medida de coação tidas por adequadas.

LEIA TAMBÉM

Universidade de Coimbra aposta na folha de mirtilo para tratamento da Esclerosa Múltipla

Um projecto de investigação da Universidade de Coimbra aposta no potencial terapêutico da folha de …

Polícia Judiciária deteve mulher que tentava introduzir haxixe na prisão de Coimbra

PJ deteve 12 pessoas em Coimbra por suspeita de tráfico de droga

A Directoria do Centro da Polícia Judiciária anunciou hoje ter detido, na terça-feira, doze pessoas …