Politécnico da Guarda coopera com a Malásia em projecto de investigação de mega dados

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e a Universiti Teknologi Malaysia (UTM) assinaram um Memorandum de Acordo e de Entendimento para colaborar no desenvolvimento de uma Graphic Processing Unit (GPU), uma unidade de cálculo acelerado para análise de mega dados. A cerimónia de assinatura teve lugar na cidade de Johor Bahru, no sul da Malásia, onde se situa um pólo da UTM.

A colaboração assegura uma plataforma para que ambas as partes trabalhem, em conjunto, na investigação científica de megadados, traduzindo a sua investigação em ferramentas e metodologias que activem indústrias e academias na Malásia. “Trata-se de um acordo que veio formalizar uma colaboração técnica e científica especializada que já decorre há algum tempo e que nasceu dos trabalhos de doutoramento do Doutor Noel Lopes, professor de Informática na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do IPG”, esclareceu o Presidente do Instituto Politécnico da Guarda, Constantino Rei, para quem “é uma grande satisfação ver que em terras tão distantes, o trabalho” dos nossos “docentes é reconhecido e valorizado, o que prestigia o Politécnico da Guarda”.

O evento, que serviu para a comemoração do segundo International Workshop on Big Data Analytics (IWBDA 2016), organizado pelo UTM Big Data Centre, contou com a presença de de investigadores oriundos da Malásia, Tailândia, Indonésia, Canada, Índia, Egipto, Alemanha e Marrocos.

 

LEIA TAMBÉM

José Carlos Alexandrino garante que existem três médicos dispostos a vir trabalhar para Oliveira do Hospital desde que sejam contratados pela tutela

Deputado do PS Santinho Pacheco defende encaminhamento de doentes renais de Seia e Gouveia para Viseu

O deputado socialista Santinho Pacheco, eleito pelo circulo eleitoral da Guarda, anunciou hoje que questionou …

A partir de hoje a origem do leite é obrigatória nos rótulos

A origem do leite, queijo, requeijão, iogurte, manteiga ou nata vai ser obrigatória nos rótulos …