Próximo ano lectivo arranca entre 15 e 21 de Setembro

Governo enviou ontem para publicação em Diário da República o diploma do calendário escolar para 2015-2016. O arranque do ano lectivo tem início previsto entre 15 e 21 de Setembro, cabendo às escolas a decisão sobre qual será o primeiro dia de aulas.

“Procurou-se com este calendário equilibrar a duração dos três períodos lectivos”, lê-se num comunicado do Ministério da Educação e Ciência, para justificar o calendário do próximo ano escolar, e que vai no mesmo sentido do que já havia sido afirmado pelo ministro da Educação Nuno Crato, que recusou qualquer adiamento para “disfarçar trapalhadas [na colocação de professores] em ano eleitoral”, como afirmaram os sindicatos.

As provas finais do 4.º e 6.º anos voltam a estar marcadas para o final do mês de Maio, apesar dos protestos dos directores escolares, que entendem que estas datas afectam o decurso normal do terceiro período e o normal funcionamento das aulas. As provas finais do 9.º ano decorrem, na primeira fase, entre 15 e 21 de Junho. A primeira fase dos exames nacionais do ensino secundário inicia-se a 15 de Junho e termina a 27 de Junho.

O diploma de regulamentação do calendário escolar, que seguiu hoje para publicação, é apontado pelo ME como “um documento indispensável à planificação das actividades a desenvolver por cada escola e à organização da vida familiar de cada aluno”.

LEIA TAMBÉM

Mortes em acidente em Tábua no acesso ao IC6

Dois homens morreram hoje na sequência de uma colisão frontal entre duas viaturas ligeiras numa …

Funcionário público detido na região de Viseu por apropriação de objectos apreendidos judicialmente

PJ deteve em Trancoso desempregado por alegada violação de criança

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de um homem de 34 anos, em …