PS de Oliveira do Hospital acusa Pureza de “simples e populista aproveitamento político”

 

As declarações proferidas, segunda-feira, por José Manuel Pureza por ocasião da visita às obras da futura ETAR de Alvôco de Várzeas não caíram bem junto do Partido Socialista oliveirense que, em comunicado, acaba de repudiar as “críticas infundadas” do bloquista.

“Trata-se de um simples e populista aproveitamento político em época eleitoral”, denunciam os socialistas, acusando Pureza de, por uma questão de “conveniência”, desconhecer o processo que, como asseguram, já lhe foi explicado “com clareza” por parte da Junta e Assembleia de Freguesia de Alvôco de Várzeas.

Em tom inflamado, o PS oliveirense acusa José Manuel Pureza de “tentar inventar um falso problema político atacando uma solução há muito discutida e consensualizada com a população, a troco de tempo de antena fácil, em período eleitoral”.

“A população de Alvôco de Várzeas saberá dar a devida resposta no momento em que for chamada a pronunciar-se democraticamente”, avisam os socialistas, inconformados com o facto de o bloquista optar por criticar a solução, ao invés de criticar os esgotos que a céu aberto correm, há vários anos, para o rio, provocando danos ambientais visíveis”.

“A “bomba ambiental” que se encontra em Alvoco de Várzeas são as velhíssimas fossas que escorrem há dezenas de anos para os terrenos agrícolas e para o rio”, esclarecem.

Criticando Pureza por “não respeitar a posição unânime tomada pela Assembleia de Freguesia” e de “ignorar o esforço de diálogo e de concertação de posições” junto do movimento Salvem Alvôco de Várzeas, o PS aproveita para reiterar a sua solidariedade com o presidente da Câmara de Oliveira do Hospital e autarcas de Alvôco de Várzeas pela solução encontrada.

A José Manuel Pureza que, acusam de “inventar soluções e pseudo-localizações da ETAR”, os socialistas adiantam que a solução encontrada resultou da capacidade de diálogo entre a CMOH e a Águas do Zêzere e Côa, que permitiu a introdução de grandes melhorias ao projeto inicial, minimizando os impactos ambientais e paisagísticos”.

LEIA TAMBÉM

Nova liderança da JSD de Oliveira do Hospital quer colocar problemas dos jovens na agenda política local

Virgílio Salvador, de 26 anos, foi eleito no domingo presidente da Juventude Social Democrata de …

«Castração» política em Oliveira do Hospital. Autor: João Cruz

Passados 44 anos após o 25 de Abril de 1974, vive-se hoje em Oliveira do …