PS de Oliveira do Hospital classifica comunicado do PSD local sobre comemorações do 25 de Abril de “vergonhoso” e “ilusionismo político”

O Partido Socialista de Oliveira do Hospital considera o comunicado em que o PSD local anunciou que não iria participar nas comemorações do 25 de Abril como “vergonhoso”, “ilusionismo político”, “sem qualquer dignidade e respeito democrático”, o qual, segundo os socialistas pode “pôr em causa a sã convivência partidária que se vive em Oliveira do Hospital”.

Lembrando que em 41 anos de democracia, o PS de Oliveira do Hospital participou nestas comemorações, os socialistas acusam os sociais-democratas de não terem não “respeito nem consideração pelos que democraticamente os elegeram”. “É caso para questionar. Será que já não há ninguém que queira representar o PSD? Já nos abandonou a 1ª eleita do PSD na vereação, será que os restantes eleitos nos diferentes órgãos também vão desistir do concelho? É legítimo questionar se a não participação nas cerimónias do 25 de Abril, não terá sido por falta de quem quisesse representar este PSD?”, continua a missiva.

Os socialistas acusam ainda o PSD de não saber lidar com as maiorias eleitas democraticamente. “Pelos vistos, só sabe estar no poder, pelo poder. Não sabe aceitar a opção e decisão do povo, que não quis o PSD a governar Oliveira do Hospital. Há que saber respeitar o voto democrático. A oposição também serve para fazer crítica construtiva e apresentar alternativas, algo que o PSD não sabe fazer, nem quer aprender a fazer”, referem, sublinhando que enquanto oposição na autarquia oliveirense o PS “sempre fizeram uma oposição construtiva, digna e com propostas alternativas, cumprindo com firmeza e dignidade as suas funções. O PS nunca fugiu das suas obrigações”.

O PS diz ainda não entender as insinuações dos sociais-democratas sobre empregos. “Convém relembrar que o actual Executivo do PS reduziu o número de funcionários da Câmara Municipal, em 81 trabalhadores, mantendo-se a grande maioria de funcionários que foram lá colocados no período da governação do PSD”, garantem, frisando que “talvez por isso, o PSD actual tenha combatido, em 2009, o outro PSD que governava a Câmara”. “Acreditamos nós, que por lhe reconhecer essa falta de democracia em Oliveira do Hospital e as ditas estratégias dos “tentáculos””, rematam, antes de concluírem que “o PS de Oliveira do Hospital tudo fará para continuar a fazer, mas também fazer respeitar, uma política verdadeira, séria e de confiança, para continuar a servir Oliveira do Hospital”.

Notícia sobre o comunicado do PSD:http://correiodabeiraserra.com/psd-de-oliveira-do-hospital-recusa-se-a-participar-nas-comemoracoes-do-25-de-abril-e-acusa-o-ps-local-de-amordacar-a-vida-dos-oliveirenses/

LEIA TAMBÉM

José Carlos Alexandrino acusa Governo de discriminação na ajuda pós-incêndios

O presidente da câmara de Oliveira do Hospital acusou o Governo de estar a discriminar …

Presidente da CM de Oliveira do Hospital indignado por FPF esquecer Coimbra e quer jogo de solidariedade da selecção naquela cidade

O presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, criticou a Federação Portuguesa …

  • Adjunto de ordens

    Isto é um fartote.Convidaram um candidato independente.Não aceitou a democracia deles, independente que era. “Disseram-lhe: “Tem um de dois caminhos.Ou é leal ao partido que o “apoiou” na sua eleição, ou já sabe qual é o outro caminho”.Francisco Garcia (filho) AM de 28 de Dezembro de 2013.Isto é que é uma independência…Agora vêm falar no voto democrático do Povo…É “prá gente rir… né”?.O Sr.Eng.Carlos Artur acha que quem fala mais alto é que tem razão..! Basta ver o que foi o 25 de Abril. A cerimónia, se dúvidas houvesse. foi bem esclarecedora…É muita “democracia”…este PS…

    • Respeitoaopróximo

      Quem fala alto,para parecer maior e quem espuma de ruindade e malvadez.

  • Banana

    O 25 de Abril no Ervedal ainda está para vir. A coligação Ps/Cdu um dia vai ser desvendada. De onde recebem os seus maestros?