PSD confirma candidatura de Cristina Oliveira à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital

“Isso é ponto assente”. A afirmação foi proferida, há instantes, pelo presidente da Comissão Política do PSD de Oliveira do Hospital quando questionado pelo correiodabeiraserra.com sobre a aposta do partido na ex diretora regional de educação do Centro – a estrutura educativa foi extinta no final de 2012 – para liderar uma candidatura à Câmara Municipal oliveirense.

António Duarte dá assim como confirmada a informação avançada ainda em dezembro por este diário digital e que o próprio classificou de “mera especulação”.

Ultrapassados que estão os dois “timings” anunciados para apresentação do candidato do partido à Câmara Municipal – antes do Natal e em meados de janeiro – António Duarte quebrou hoje o silêncio em contacto telefónico estabelecido pelo correiodabeiraserra.com, confirmando o nome de Cristina Oliveira.

Por confirmar está, contudo, a data para apresentação oficial da candidata com ligações a Oliveira do Hospital, prevendo António Duarte que tal venha a acontecer até ao final do mês. “Ainda estamos com tempo, não estamos em contra-relógio”, informou o líder do PSD concelhio, garantindo que tal decorrerá no momento considerado oportuno.

Recorde-se que apesar de confirmado por fontes próximas do PSD oliveirense, o nome de Cristina Oliveira chegou a ser colocado em causa devido à recente polémica que rebentou no seio da Direção Regional de Educação do Centro, decorrente da queixa apresentada pela diretora adjunta daquela estrutura educativa após pedido de demissão.

Maria do Céu Castelo Branco acusou Cristina Oliveira de “continuados atropelos aos princípios da legalidade, da transparência e de lealdade institucional”, levando o ministério da Educação a solicitar investigação às situações denunciadas junto da Inspeção Geral de Educação.

Uma polémica que António Duarte desvaloriza, considerando tratar-se de um “fait divers” que, acrescenta, “não surge por acaso”. “Foi feito propositadamente num período em que houve pessoas que esperavam extrair daqui dividendos”, afirma António Duarte que, num processo que assegura bem conhecer, tem a repudiar a “irresponsabilidade” da ex diretora adjunta da DREC, Maria do Céu Castelo Branco.

Quando dá como certo o nome de Cristina Oliveira como candidata do PSD à Câmara oliveirense, António Duarte assegura não ter qualquer dúvida acerca da conduta da ex diretora da DREC. “Trata-se de acreditar no perfil das pessoas”, refere, confiante de que “a verdade será reposta”.

Do mesmo modo, o líder dos social democratas no concelho de Oliveira do Hospital afirma não ter qualquer receio dos impactos que a proposta de constituição de um único mega agrupamento no concelho possa ter junto do eleitorado. “Quem vai voltar a sair fragilizado é o presidente da Câmara Municipal, tal como já aconteceu com as juntas de freguesia e outras situações”, considera António Duarte, acusando José Carlos Alexandrino de “usar a arma da demagogia”. “Depois sai-se mal”, constata o social-democrata.

LEIA TAMBÉM

SONAE (Ai – Ai …) Ou em como o “ouro” de uns é o nosso prejuízo!

CDU vê aprovado na Assembleia da União de Freguesias de Ervedal e Vila Franca da Beira voto de protesto contra falta de apoio das autoridades às vítimas dos incêndios

O eleito da CDU na Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Ervedal e …

Nova liderança da JSD de Oliveira do Hospital quer colocar problemas dos jovens na agenda política local

Virgílio Salvador, de 26 anos, foi eleito no domingo presidente da Juventude Social Democrata de …