É com a realização de encontros com os autarcas eleitos que a Comissão Política de Secção do Partido Social-democrata de Oliveira do Hospital coloca no terreno... 

Líder do PSD já no papel de candidato à Câmara

…já neste mês, um conjunto de actividades que termina a 22 de Março, com a apresentação provisória do programa do partido às eleições autárquicas.

Do rol de iniciativas destinado a abranger os cerca de 1200 militantes que integram o partido, destaque para a criação da figura do provedor da Juventude, realização de sessões de esclarecimento, criação do guia do militante e de um conselho consultivo, publicação do jornal da concelhia, dinamização da acção sectorial empreendedores, entre muitas outras actividades.

Entretanto pelo meio, no dia 7 de Setembro, terá lugar a já tradicional Festa Convívio das Caldas de São Paulo, onde para além da reflexão política, os sociais-democratas divulgarão a melhor postura para o partido. De sublinhar também a realização do encontro “Autarquias no Século XXI” agendado para 18 de Janeiro, na freguesia de Nogueira do Cravo. Em cima da mesa deverão estar matérias como os novos modelos de gestão autárquica, descentralização e novas formas de financiamento.

É para dia 22 de Março que a estrutura concelhia reserva a apresentação provisória do programa do PSD às eleições autárquicas, notando-se que para trás – em Fevereiro – já terá decorrido a apresentação da Carta de Compromissos dos candidatos autárquicos.

Partido quer chamar a si “autarcas ganhadores”

“Fazer mais partido” é o que pretende o PSD de Oliveira do Hospital com o programa a que se propõe cumprir até à Primavera de 2009. Em comunicado, a estrutura concelhia fala do desejo de implementar uma “mudança efectiva de práticas, de posturas, de atitudes e valores” a nível autárquico, bem como de transformar o PSD num “partido capaz de dialogar e atrair a sociedade civil”.

A criação de “um clima de pacificação” volta a ser apontada como uma meta a atingir pelo partido que – de acordo com a mesma nota – já deu início a um processo de “auscultação directa no terreno” com o objectivo de chamar ao projecto “autarcas ganhadores”.

A estrutura reconquistada por José Carlos Mendes não deixa contudo de apelar ao dever de as diversas estruturas do partido cumprirem com as “normas estatutárias”, não incentivando outros projectos que “não asseguram a continuidade do ciclo de vitórias no concelho”.

Ao mesmo tempo que reitera a legitimidade que as duas vitórias consecutivas lhe conferem, o PSD local apela ao contributo de todos os militantes na dinamização e participação de todas as iniciativas.

LEIA TAMBÉM

Líder parlamentar do PSD questiona António Costa sobre a reconstrução das casas afectadas pelos incêndios.

O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão, pediu ontem explicações ao primeiro-ministro sobre o reduzido número …

Presidente da Câmara de Oliveira do Hospital garante verba ainda desconhecida para reconstrução das segundas habitações depois de questionado pelo vereador do PSD

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, disse hoje que …