“Maçonaria e República” em exposição nos corredores dos Paços do Município

Inserida no programa das comemorações do Centenário da República, esta exposição é composta por uma colecção de 33 peças de cerâmica – o número de pratos expostos simboliza os 33 graus existentes na maçonaria – da autoria de Alberto Péssimo, pseudónimo do escultor Carlos Reis.

As peças de Alberto Péssimo contêm “gravuras diversificadas alusivas à República e à simbologia maçónica. Há também peças específicas dedicadas ao centenário da República e à Editorial Moura Pinto”.

Segundo refere uma nota de imprensa enviada pela Câmara Municipal de Oliveira do Hospital a este diário digital, esta exposição resulta da colaboração entre o município oliveirense, a Editorial Moura Pinto e o CEIS 20 – Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX.

LEIA TAMBÉM

Cid Teles, a cigarra do Triste Fado: Na imprensa. Autor: Renato Nunes

Se compulsarmos o arquivo de A Comarca de Arganil, que já foi parcialmente disponibilizado em …

Cid Teles, a cigarra do Triste Fado: Possíveis influências. Autor Renato Nunes

Não é fácil identificar as influências de um indivíduo. Ainda assim, o estudo dos seus …