Recolha de bens alimentares realiza-se este fim de semana em Oliveira do Hospital

 

Cooperativa Agro Pecuária da Beira Central (também durante o dia hoje, 16 de novembro), Intermarché, IG Supermercados e MiniPreço, são os locais onde este fim de semana se apela à generosidade e solidariedade dos oliveirenses.

Em causa está mais uma edição da recolha de bens alimentares “Pirâmide de Natal Solidário 2012”, ação que nos dois anos anteriores surpreendeu pela positiva ao potenciar a recolha de cerca de oito toneladas de alimentos.

Motivo considerado mais do que suficiente, para a Câmara Municipal e a Junta de Freguesia de Oliveira do Hospital, em parceria com as Instituições Públicas e Privadas sem fins lucrativos com ação no âmbito da solidariedade social e o Banco Local de Voluntariado, reservarem para este fim de semana, 17 e18 de novembro, semelhante iniciativa.

Inserida no quadro de ação da Rede Social do Município, a recolha de bens vai mobilizar grupos de voluntários que vão estar nas várias superfícies comerciais da cidade a apelar à solidariedade e à colaboração na iniciativa de âmbito social ,destinada a ajudar quem mais necessita.

“Se todos dermos pouco, no final será sempre muito” é o lema que norteia a “Pirâmide de Natal Solidário 2012”, iniciativa que resulta da congregação de esforços das várias entidades envolvidas, tendo em conta a actual realidade socioeconómica do país e mais concretamente do concelho de Oliveira do Hospital, em que os pedidos de apoio social têm vindo a aumentar e o número de pessoas com reais necessidades de ajuda cresce notoriamente.

Os bens alimentares recolhidos destinam-se ao Banco de Recursos Sociais de Oliveira do Hospital, local onde as famílias mais carenciadas, desfavorecidas ou temporariamente em dificuldades poderão recorrer em situações de emergência.

Este ano, dado o número crescente de casos, desafiam-se os cidadãos a doarem bens direcionados para a infância, designadamente leite, papas lácteas, cereais, bolachas, e também enlatados, como atum ou salsichas.

LEIA TAMBÉM

Caça praticamente proibida no concelho de Oliveira do Hospital até Maio de 2018

A caça está proibida até 31 de Maio de 2018 nas zonas consumidas pelos fogos, …

Capoula Santos apresentou em Oliveira do Hospital novas medidas de apoio aos agricultores afectados pelos fogos

O Ministro da Agricultura apresentou, ontem, em Oliveira do Hospital, as novas medidas de apoio …