Rotary Clube de Oliveira do Hospital distingue Isabel Almeida

… na habitual homenagem ao profissional.

Isabel Almeida, de 54 anos, vai assistir, no próximo sábado, ao reconhecimento público daquilo que tem sido o seu percurso profissional no concelho de Oliveira do Hospital.

Natural do concelho do Fundão, a profissional de serviço social que desde 1981 tem estado ao serviço do concelho oliveirense vai ser homenageada pelo Rotary Clube de Oliveira do Hospital. Um gesto que pretende reconhecer o mérito à profissional de serviço social “mais antiga do concelho” e, ao mesmo tempo distinguir esta área de atividade.

“Nunca tinha sido homenageado um profissional na área dos serviços sociais”, referiu ao correiodabeiraserra.com a presidente do Rotary Clube de Oliveira do Hospital, Paula Mendonça, que apesar de também ser profissional da mesma área clarifica que a escolha da homenageada nada teve a ver com aquele facto, mas antes com a intenção de o Rotary Clube distinguir aquele que entende como o profissional do ano.

Na hora de escolher o profissional a homenagear, explica Paula Mendonça, foi tida em conta a prestação no domínio profissional, mas também o contributo ao nível de toda a comunidade. “Isto é que é ser profissional”, explica a presidente do Rotary Clube oliveirense, considerando estar em face de uma escolha acertada, tendo em conta toda a carreira de Isabel Almeida quer no domínio institucional, quer no envolvimento com a própria comunidade.

Destaque em particular para a sua passagem por várias IPSS e pela participação ativa em várias ações numa lógica de proximidade com os oliveirenses. “Foi sempre uma profissional que se notabilizou no meio em que está inserida”, regista Paula Mendonça, considerando estar em face de uma “profissional de referência”.

Isabel Almeida iniciou a sua atividade como assistente social, em fevereiro de 1981, no Centro Paroquial de Solidariedade da Freguesia de Bobadela – primeira instituição concelhia a apoiar idosos em Centro de Dia – onde até Fevereiro de1986 trabalhou a tempo inteiro. Ao longo de 18 anos implementou e coordenou as respostas sociais de Centro de Dia e Apoio Domiciliário. Durante o mesmo período, Isabel Almeida destacou-se pelo empenho que teve na remodelação e ampliação do atual edifício, organizando a candidatura ao Programa de Idosos em Lar – PILAR.

Em 1986, Isabel Almeida iniciou, a meio tempo, atividade como Assistente Social, no Centro Paroquial de Santa Ovaia, até 1998. Aqui coordenou a resposta social de Centro de Dia e implementou o Apoio Domiciliário e mais tarde o ATL. Dinamizou e desenvolveu a resposta social de Lar, e a partir de janeiro de 1999 até setembro de 2005, ficou a tempo inteiro nesta instituição, com funções de directora técnica, dirigindo e coordenando o funcionamento institucional de todas as respostas sociais.

Há cerca de sete anos, Isabel Almeida foi convidada a trabalhar como Diretora Técnica na Obra D. Josefina da Fonseca, onde se encontra até hoje, desempenhando o conteúdo funcional, inerente àquele cargo. Nesta instituição tem desenvolvido e acompanhado alguns projectos, salientando-se a candidatura que fez ao “Qual-IS II Centro – Qualificar a Intervenção Social”.

Para além do percurso percorrido no âmbito daquela que é a sua formação profissional, Isabel Almeida tem-se distinguido pela participação, juntamente com o marido Artur de Almeida, na equipa do CPM – Centro de Preparação para o Matrimónio, de Oliveira do Hospital. Uma prática que mantém, convicta que está de que é possível ajudar jovens casais a reflectir sobre a constituição da família. Ao longo de vários anos, Isabel Almeida também integrou os órgão sociais da ARCIAL e Obra D. Josefina da Fonseca.

LEIA TAMBÉM

Dominado fogo que hoje se reacendeu em Tábua

O incêndio florestal que deflagrou na terça-feira no concelho de Tábua, que esteve em fase …

Incêndios destruíram mais 500 hectares em Seia

Incêndio de Tábua reacendeu-se e mobiliza centenas de bombeiros

O incêndio que ontem deflagrou em Tábua, está novamente activo. O reacendimento aconteceu ao início da tarde …