Rui Machete, Pires de Lima e Moreira da Silva são os novos ministros

O Presidente da República aceitou a proposta de Passos Coelho de remodelação do Governo. Paulo Portas passa a vice-primeiro-ministro numa remodelação em que há alterações no Ministério da Agricultura e Mar bem como no Ministério da Economia.

A pasta dos Negócios Estrangeiros, até agora de Paulo Portas, vai ser ocupada por Rui Machete, antigo líder do PSD, e vice-primeiro-ministro no Governo de bloco central liderado por Mário Soares.

O atual número dois do PSD, Jorge Moreira da Silva, é o novo ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia, pastas que estavam na Agricultura (as duas primeiras) e na Economia.

O Ministério da Economia passa para António Pires de Lima, dirigente nacional do CDS. Pedro Mota Soares reforça o seu ministério com a pasta do Emprego, além da Solidariedade e Segurança Social.

Os novos ministros tomam posse esta quarta feira, às 17h00.
A remodelação do governo acontece na sequência de uma grave crise política desencadeada há três semanas pelas demissões do ministro das Finanças, Vítor Gaspar, e de Paulo Portas, líder do CDS.

Depois de o Presidente da República ter colocado em cima da mesa o cenário de eleições antecipadas em 2014 e que caiu com o falhanço do acordo com o PS, Passos Coelho quer mostrar agora uma equipa refrescada e reforçada para a segunda fase da legislatura.

LEIA TAMBÉM

GNR deteve alegados traficantes de droga nos acessos a uma “Rave” em Oliveira do Hospital

Pastor de 90 anos continua desaparecido em Seia

Um pastor de 90 anos que está desaparecido na pequena localidade de Valezim no concelho de …

Polícia Judiciária deteve mulher que tentava introduzir haxixe na prisão de Coimbra

PJ deteve em Coimbra suspeito de homicídio na forma tentada

A Polícia Judiciária (PJ) identificou e deteve, na segunda-feira, em Coimbra, um homem suspeito da …

  • Guerra Junqueiro

    Em Inglaterra ouviu-se “It´s a boy” e o País cantou de alegria.
    Aqui aparecem mais 3. Infelizmente saem os que não são.
    Veremos como cantarão.

    Cumprimentos
    Guerra Junqueiro