A direcção do Sampaense Basket emitiu na semana passada um comunicado onde presta informações sobre a sua tomada do decisão no que concerne ao novo figurino de Campeonato Nacional de Basquetebol para a época 2008/2009, e que surge na sequência de várias reuniões onde o Sampaense participou, juntamente com outros clubes da PROLIGA e Federação Portuguesa de Basquetebol (FPB).

 

Sampaense quer participar no primeiro nível do basquetebol nacional

Imagem vazia padrão“Sabendo-se de antemão da situação de falência da chamada Liga Profissional, fazia todo o sentido que o Sampaense Basket tomasse a iniciativa de provocar uma reunião de clubes com a FPB, uma vez que as preocupações eram mais que evidentes, pois no nosso entender a FPB não deveria ficar à espera que os Campeonatos chegassem ao fim para só depois serem tomadas posições relativamente ao que fazer com os clubes oriundos da Liga UZO e os clubes a militar na Proliga”, refere o presidente do clube, Vítor Duarte, no comunicado disponibilizado no sítio de internet do clube.

Alegando que com a proposta da FPB – “a qual passará por dois níveis de competição (Liga 1 e 2), com oito clubes vindos da Liga Uzo mais quatro clubes oriundos da PROLIGA – o Sampaense “poderá ser relegado para o nível 2”, Vítor Duarte esclarece que – nesse cenário – “seria um dos clubes mais prejudicados, atendendo ao seu historial e essencialmente pelo que fez em prol do basquetebol nestes últimos anos”.

Contudo – e como nada está ainda decidido –, Duarte adverte desde já que, “na eventualidade de poder haver dois níveis de competição, o Sampaense quer vir a participar no primeiro nível do basquetebol nacional, sob a égide da FPB”.

Entretanto, segundo esclarece também a página oficial do clube, “no seguimento da preparação da próxima época, após terminar o vínculo com Francisco Gradeço, por motivos pessoais do treinador que comandou a equipa na última metade da temporada passada, o Sampaense Basket já encontrou o novo treinador para o plantel principal.

Emanuel Seco, ex-treinador do Sangalhos, aceitou o convite feito pelo Sampaense e será ele que tomará o comando do plantel na época de 2008/09. Emanuel Seco é um treinador experiente e já representou na sua carreira clubes como o Aveiro Basket, Esgueira e Sangalhos, onde já conquistou o título de campeão nacional.

LEIA TAMBÉM

O Bava da Bola

Um tal Bava, Zeinal de primeiro nome, foi presidente executivo durante anos da PT. Em …

Aquela máquina…

Dois golos de Cristiano Ronaldo e um de André Silva asseguraram a vitória de Portugal …