Saúde: Associação Positivo lança campanha publicitária “20 Anos mesmo com VIH”

A Associação Positivo acaba de lançar a campanha publicitária multimeios “20 anos mesmo com VIH”, uma campanha de sensibilização sobre o VIH presente em spots de rádio, imprensa e em caixas multibanco (ATM).

A campanha pretende alertar as pessoas infetadas para a necessidade de partilharem as suas experiências e esclarecerem todas dúvidas sobre o VIH. O objetivo é mostrar que o conhecimento sobre o VIH é fundamental para desmistificar a doença e evitar o estigma e o preconceito associados.

Esta é uma das várias iniciativas de sensibilização e informação sobre o VIH que decorrem até ao final de novembro, no âmbito das celebrações dos 20 anos da Associação Positivo.

De acordo com Ricardo Fernandes, da Associação Positivo, “em Portugal existem cerca de 40 mil pessoas infetadas pelo VIH, sendo que só cerca de 50% estão diagnosticadas. e, por isso, o objetivo é, principalmente, que a população perceba que as pessoas infetadas existem e que podem estar entre nós e ao nosso lado, ou seja, que podem ser o nosso pai, o nosso vizinho, o primo, a namorada…”.

E acrescenta: “Queremos acabar com o estigma associado ao VIH, dar a perceber às pessoas que é possível ter qualidade de vida mesmo com VIH e que a doença não se transmite através das atividades básicas do dia-a-dia”.

A Positivo é uma associação sem fins lucrativos criada em março de 1993 face à necessidade de criar uma oferta de um serviço de apoio interpar e psicológico na zona da Grande Lisboa, que fosse simultaneamente um espaço de apoio e encontro para as pessoas seropositivas, os seus familiares, amigos, parceiros/as, entre outros. A Associação Positivo existe porque é possível VIVER COM O VIH.

LEIA TAMBÉM

ASAE apreende queijo Serra da Estrela falsificado no valor de 1.200 euros

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu mais de 1.612 rótulos e cerca …

Vítimas dos fogos podem pedir indemnizações até Janeiro de 2019

As vítimas dos incêndios de 2017 que não tenham sido já indemnizados podem requerer, até …