Seia e Manteigas preparam-se para receber muitas centenas de participantes no SkyRoad Granfondo Serra da Estrela

Seia e Manteigas preparam-se para receber muitas centenas de participantes no SkyRoad Granfondo Serra da Estrela

Seia e Manteigas vão receber, nos próximos dias 11 e 12 de Julho, a segunda edição do SKYROAD Granfondo Serra da Estrela. Com duas provas de ciclismo, Granfondo e Mediofondo, o evento conta já com 1000 atletas inscritos, sendo 150 estrangeiros e o impacto já se faz sentir, segundo fonte da organização, nas unidades hoteleiras da região.

“O impacto deste evento ultrapassa estes números, já que a conduta normal dos participantes deste tipo de eventos é o de virem com a família e acompanhantes, o que pode aumentar para mais de 2.500 pessoas o número total de pessoas que se deslocam à Serra da Estrela a propósito do SKYROAD Granfondo. Os resultados para a economia local serão significativos, como comprova o facto de muitas das unidades hoteleiras da região se encontrarem esgotadas desde há muito tempo para as datas do evento”, referem os responsáveis pela iniciativa que pretendem que venha a ser uma forma de “promoção do território como destino de férias também no Verão”.

A segunda edição do evento terá o seu quartel-general instalado em Manteigas de onde será dada a partida para o evento de Domingo e onde funcionará toda a estrutura nos dois dias de festa.

O percurso do Mediofondo decorre na sua totalidade no Parque Natural da Serra da Estrela, tendo 77 km de distância e um acumulado de subidas de 2.800 metros, numa abordagem menos dura, mas que proporcionará a todo os participantes desta distância as sensações de uma etapa de alta montanha.

O Granfondo, com um percurso de 131 km e subidas acumuladas de 4200 metros, sairá de Manteigas e, após uma volta em andamento controlado pelas ruas da vila, subirá em andamento livre nas estradas da Serra da Estrela, sempre com a paisagem de alta montanha como cenário e com passagem nalguns dos pontos mais emblemáticos da montanha mais alta de Portugal Continental, como o Mondeguinho (nascente do Rio Mondego), Senhora do Espinheiro, Seia, S. Romão, Lapa dos Dinheiros, Portela do Arão e Lagoa Comprida, antes de terminar bem no alto na Torre, a 1.993 m de altitude.

A cidade de Seia (ao km 46) acolherá todos os participantes assegurando o primeiro reabastecimento (sólido e líquido), antes da longa subida rumo à vertente sul da Serra. O segundo reabastecimento (sólido e líquido) estará montado na Portela do Arão (ao km 59), antes dos ciclistas enfrentarem a mais dura subida do dia, o já famoso Adamastor que os levará até à Lagoa Comprida, onde estará instalado um reabastecimento líquido (km 68). Na meta instalada na Torre, onde termina a contagem do tempo, haverá novo reforço alimentar (líquido e sólido).

Foto: site do SKYROAD Granfondo Serra da Estrela

LEIA TAMBÉM

Gouveia recebe Campeonato Mundial Trial de motos

O Parque da Senhora dos Verdes, em Gouveia, vai receber, entre os dias 23 e …

Luís Mota voltou a vencer as 100 milhas do Oh Meu Deus – Ultra Trail Serra da Estrela

O atleta Luís Mota, do Clube do Benfica de Abrantes, venceu as 100 milhas do …