Seixo da Beira teme encerramento da Extensão de Saúde local, PSD garante que aquela estrutura é para manter

A candidata do PSD à Assembleia de Freguesia do Seixo da Beira garantiu, ontem, na sede do Grupo Desportivo e Recreativo Vasco da Gama, que se for eleita irá fazer de tudo em colaboração com a Câmara Municipal para evitar o encerramento da extensão de Saúde localizada naquela localidade. Susana Simões, que se encontrava na companhia, entre outros, do candidato à presidência do Município de Oliveira do Hospital, João Paulo Albuquerque, procurou desta forma tranquilizar a plateia que assistia à apresentação da sua lista, quando alguém levantou o problema dos rumores existentes de que o actual executivo liderado por José Carlos Alexandrino pretende deslocalizar aqueles serviços para Ervedal da Beira, onde foram efectuadas obras em novas instalações.

“A extensão de saúde vai ficar. É uma das nossas bandeiras. Vamos fazer tudo, mas tudo para manter e reforçar o serviço”, garantiu a candidata que ouviu da plateia alguém sugerir mesmo uma manifestação em massa se alguém tentar retirar do Seixo aquele serviço. “É uma possibilidade, mas connosco na Junta e a equipa liderada por João Paulo Albuquerque na Câmara não será necessário”, afirmou esta assistente operacional na ESTGOH.

João Brito

O candidato do PSD à Câmara Municipal, João Paulo Albuquerque, bem como o presidente da concelhia do partido e candidato à liderança da Assembleia Municipal, João Brito, também asseguram que vão estar ao lado da população nessa luta. “Connosco tudo será feito para manter este serviço aqui no Seixo. A Câmara estará com a população nessa luta se se vier a colocar a possibilidade da deslocalização. Esta extensão de saúde é para manter”, reafirmou, João Paulo Albuquerque, assegurando ainda que no seu programa estão previstas medidas para salvaguardar a saúde em todo o concelho.

O ex-presidente da Câmara Municipal Mário Alves, que João Paulo Albuquerque reconhece como um dos mentores do projecto designado “Mudar de Rumo”,  aproveitou também para intervir sobre este tema e para lembrar aos presentes que a população deve estar atenta, lamentando a existência de uma grande incoerência por parte de um elemento com responsabilidades na área da saúde concelhia que é candidatos na lista do PS àquela Freguesia. “É preciso relembrar que se algumas pessoas no passado e no presente não vos prestam o serviço que vos deviam prestar na extensão de saúde, continuam como candidatos à Assembleia de Freguesia. Isto é inaceitável. Isto não é servir a população do Seixo da Beira”, referiu.

A candidata por seu lado lembrou ainda que no início não foi fácil formar uma equipa, “devido ao medo que reina” naquela localidade, mas que com a ajuda de João Paulo Albuquerque e Mário Alves a tarefa tornou-se possível, os problemas foram superados e a adesão foi crescendo. “E conseguimos criar uma equipa de coragem, dinâmica, honesta e com uma enorme vontade de trabalhar em prol da nossa comunidade. Uma equipa onde estão representadas todas as terras da Freguesia”, começou por dizer, garantindo que vai ouvir serenamente a população e tomar nota e resolver os problemas que lhe forem colocados, com a finalidade de  desenvolver àquele território para o bem-estar social e emocional das pessoas.

Susana Simões aproveitou ainda para revelar algumas das ideias que já estão predefinidas no seu programa eleitoral. A autarca aposta na requalificação e execução da rede de saneamento básico em algumas aldeias, na promoção da zona industrial para cativar os pequenos e grandes empresários, limpar os caminhos públicos, principalmente no perímetro urbano, construir as casas mortuárias da Sobreda e na Seixas, promover a construção de casas sociais, requalificar e preservar os monumentos históricos e colocar à disposição da população transporte para se deslocar à sede. “Este é um desafio que abraçamos, convencidos que está de mudar de rumo, de reorganizar e mostrar que não há medo de represálias”, concluiu, com João Brito a referir que tomou nota e que estará na linha da frente para lembrar ao executivo, se este vier a ser liderado por João Paulo Albuquerque, de que aqueles pontos são mesmo para cumprir.

LEIA TAMBÉM

Faleceu a romancista Ermelinda da Silva

A romancista Ermelinda da Silva natural de Vila Franca da Beira faleceu ontem e funeral …

Um ferido grave e outro ligeiro num despiste em Tábua

Um despiste esta tarde (18h04) na Estrada Municipal 1304, na freguesia de Vila Nova de …