Socialista João Soares é rei nas faltas às sessões parlamentares, acompanhado por Carlos Páscoa (PSD)

João Soares é o deputado com mais ausências no parlamento. O eleito do PS faltou a 146 das 453 sessões daquelas em que deveria estar presente. O socialista é marcado em cima pelo social-democrata Carlos Páscoa Gonçalves do PSD que tem o mesmo registo de faltas, com a vantagem de ter justificação para todas elas. Estes são dados da recente aplicação O Ponto do Parlamento (http:// http://opontodoparlamento.org) lançada na internet e que permite a qualquer cidadão verificar assiduidade de quem foi eleito para os representar, ao mesmo tempo que permite saber se justificaram ou não as faltas, se estiveram em missões parlamentares.

Na aplicação é possível verificar que João Soares tem uma falta injustificada, 65 justificadas e esteve envolvido em 82 missões parlamentares. Já Carlos Páscoa tem todas as suas 131 faltas justificadas e participou e participou em 15 missões parlamentares. O site permite verificar os dados por ordem de total de faltas, de faltas justificadas ou injustificadas, quem esteve em mais missões parlamentares ou quórum parlamentar.

Os responsáveis pela empresa que colocou esta aplicação on-line, que em cinco dias conta cinco mil visitas, explicaram ao jornal Expresso que o mais complicado foi juntar todos estes dados que já são públicos, mas de forma algo complicada de ser consultada. “O que nós fizemos foi congregá-los numa aplicação”, explicou àquele jornal António Rosado, garantindo a página não tem qualquer motivação política. “Não temos interesses na política. Mas numa altura em que se fala tanto de austeridade e de aumentar a produtividade, vale a pena ver como estão as pessoas que nos imputam isso” , frisa António Rosado.

Os visados é que não parecem estar muito satisfeitos. “Não há nenhuma outra actividade cujo escrutínio seja tão forte como a dos deputados. Esses dados já são públicos, estão no site do Parlamento, as presenças nas votações e a existência de quórum pode ser vista na televisão, no canal da AR. Parece-me que isto é amesquinhar a função parlamentar”, explica Hugo Soares, vice-presidente da bancada do PSD. Já o Bloco de Esquerda considera positivo tudo que seja a favor da transparência do trabalho parlamentar é positivo. Mas consideram que a análise é demasiado simplista não levando em conta o trabalho em comissões de inquérito. O Expresso refere que não conseguiu falar com os dois elementos mais faltosos.

Top 6

Mais faltosos

total

 

 

 

 

 

 

 

 

C/Mais faltas injustificadas

injustificadas

 

 

 

 

 

 

 

 

C/Mais faltas justificadas

justificadas

 

 

 

 

 

 

 

 

Partidos

total

 

 

LEIA TAMBÉM

Rui Rio visita hoje Centro de Saúde de Oliveira do Hospital

O líder do PSD vai estar hoje durante a tarde no concelho de Oliveira do …

Viva o 25 de Abril! Sempre! Autor: João Dinis, Jano

Ao 25 de Abril de 1974 e à nossa magnífica “Revolução dos Cravos” se colou …